Após críticas, Ney exalta Wellington e acredita em chance na Seleção

Ciente de que o meio-campista se sentiu um pouco incomodado por ter sido contestado publicamente, o treinador viu o garoto reagir em campo

Comentar
Compartilhar
21 FEV 201312h21

O volante Wellington passou por dias complicados no São Paulo. Criticado pelo técnico Ney Franco na terça-feira (19), o jogador perdeu a vaga entre os titulares nesta quarta, mas entrou no decorrer do confronto contra o São Caetano e conseguiu arrancar elogios do comandante.

Ciente de que o meio-campista se sentiu um pouco incomodado por ter sido contestado publicamente, o treinador viu o garoto reagir em campo, depois que substituiu Maicon no Anacleto Campanella.

“Agora, eu vou elogiar o Wellington, porque ele entrou bem para caramba. Acho que o jogador não pode ser melindrado com notícia, ele é experiente. Hoje (quarta), deu sustentação ao meio-campo. Na mesma entrevista em que reclamei, também falei que ele tem tudo para fechar bem a temporada. Acho que pode até chegar à Seleção Brasileira”, avaliou.

Wellington foi criticado pelo técnico na terça-feira, mas ganhou elogios depois do jogo de quarta (Foto: Sergio Barzaghi/ Gazeta Press)

No início desta semana, o treinador admitiu que o volante cometeu erros decisivos em derrotas em 2013. Mesmo sem citar os jogos, o técnico se referiu aos erros nos tropeços diante de Santos e Atlético-MG. Com isso, o prata da casa perdeu a vaga de titular para Maicon contra o São Caetano e só entrou no segundo tempo, para ajudar a segurar a vitória.

“Ele deu sustentação para nosso time fechar o jogo bem. Além do Wellington, o Carleto também entrou muito bem, e o Aloísio fez sua função tática. Vou pegar agora o material do Linense e prefiro não antecipar nada de escalação”, concluiu.

Na etapa complementar da vitória por 4 a 2 sobre o Azulão, o lateral esquerdo entrou na vaga de Cortez, enquanto o atacante substituiu Paulo Henrique Ganso e marcou o quarto gol do confronto.