SABESP AGOSTO DESK TOPO
SABESP AGOSTO MOB

André Gaspar termina temporada com melhor colocação da história do Daegu

Santista é o técnico brasileiro há mais tempo no comando de um clube depois de Renato Gaúcho

Comentar
Compartilhar
12 DEZ 2019Por Da Reportagem16h13
André Gaspar deverá se reunir com a diretoria para definir seu futuroFoto: Divulgação / Fair Play Assessoria

O ex-treinador do Bragantino e ex-jogador do Santos, André Gaspar, já pode ser considerado um dos melhores treinadores da história do Daegu. Depois de três anos no cargo, um título histórico da Korean FA Cup e mais de 100 jogos na elite do futebol sul-coreano, o treinador foi um dos responsáveis pela melhor campanha da equipe na Liga da Coreia de Futebol.

Neste ano, a equipe de Gaspar terminou a competição em quinto colocado e superou a campanha de 2018, quando ficou em sétimo. Mesmo não tendo se classificado para a Liga dos Campeões da Ásia de 2020, o treinador acredita que a campanha foi significativa para o clube e deixou os torcedores orgulhosos:

“No geral, foi muito proveitosa a nossa temporada. Pela primeira vez, disputamos a Liga dos Campeões da Ásia. Na Liga, terminamos na quinta colocação, melhor classificação na história do clube. Notamos que o mais importante foi o crescimento e o carinho da nossa torcida, uma prova que o trabalho vem sendo bem feito. Antes duas mil pessoas assistiam nossos jogos e hoje em dia a torcida enche a capacidade máxima do estádio de 12 mil pessoas. Fico muito feliz e estamos encerrando esse ano esperançoso para o próximo ano”, afirma.

De olho em 2020 e com contrato válido até dezembro com o Daegu, o treinador está com o futuro indefinido. Depois de ser sondado por clubes asiáticos e do mundo árabe, ele só irá definir o seu futuro após reunião com o clube. 

“O futuro no Daegu ainda está incerto. Meu contrato vence no dia 31 de dezembro e sei que o presidente vai me chamar pra sentar e conversar. Como fizemos uma grande campanha, é normal que haja sondagem de algumas equipes e vou analisar tudo com calma. Minha preferência é o Daegu pois foi uma equipe que me projetou para o futebol e tenho bastante carinho. A partir de 31 de dezembro vamos conversar e entender o melhor para os dois lados”, concluiu André Gaspar.

Nascido em Santos, André Gaspar começou a sua carreira no futebol nas categorias de base do clube na década de 1990 e depois se transferiu para a Portuguesa Santista e Marília. Nos anos 2000, teve a oportunidade de jogar no Anyang LG, hoje Seoul FC, e foi campeão da K-League, sendo líder de assistências do torneio e escolhido entre os 11 melhores do campeonato.

Conhecido por ter salvado o Bragantino do rebaixamento à Série C, em 2014, o técnico desembarcou no Daegu, no ano seguinte, como auxiliar técnico. Desde então, conquistou o acesso à primeira divisão local.  Em 2017, foi efetivado como técnico e livrou a equipe do rebaixamento. Em 2018, conquistou de forma histórica, a Korean FA Cup.

Neste ano, enfrentando times asiáticos com grandes investimentos, o recém clube coreano participou pela primeira vez da Liga dos Campeões da Ásia e fez a sua melhor trajetória na Liga Coreana de Futebol.