Esportes

América-MG aproveita chance, vence e frustra estreia de Luan pelo Santos

Agora, o Peixe volta a campo novamente apenas no próximo domingo (21), no clássico contra o São Paulo, na Vila Belmiro

FOLHAPRESS

Publicado em 14/08/2022 às 20:22

Atualizado em 14/08/2022 às 20:26

Compartilhe:

Facebook/Santos F.C.

O América-MG recebeu o Santos neste domingo (14), no Independência, e venceu por 1 a 0 a partida válida pela 22ª rodada do Brasileirão, frustrando a estreia de Luan pelo Peixe. Com gol de Pedrinho marcado os 13 minutos do primeiro tempo, o Coelho foi seguro defensivamente ao mesmo tempo que levou perigo em contra-ataques.

O resultado garantiu ao time da casa a sua quarta vitória consecutiva na competição. Além disso, colocou fim à invencibilidade dos paulistas sob o comando do técnico Lisca.

Com a vitória, o América chegou aos 30 pontos e ultrapassou o Santos na tabela. Embora tenham a mesma pontuação, os mineiros têm mais triunfos e estão em oitavo, enquanto o Peixe ocupa a décima colocação.

Os visitantes foram para Belo Horizonte sem saber o que era perder com o novo técnico. O Santos vinha de dois empates, contra Fortaleza e Fluminense, e de uma vitória sobre o Botafogo. Agora, o Peixe volta a campo novamente apenas no próximo domingo (21), no clássico contra o São Paulo, na Vila Belmiro.

Já o Coelho tem um compromisso mais cedo, na quinta-feira (18), também contra o Tricolor Paulista, mas pela Copa do Brasil. Jogando em seus domínios, o América busca reverter a derrota por 1 a 0 na partida de ida das quartas de final para conseguir avançar no torneio.

FOI BEM: PEDRINHO

Em um jogo morno e de pouca criatividade, o atacante do América foi o mais perigoso em campo. Incisivo, eram pelos seus pés que passavam as principais jogadas do time da casa. O camisa 29 deu trabalho para os jogadores do peixe com sua velocidade pelas laterais e, além do gol, também teve outras oportunidades.

FOI MAL: MADSON

O lateral do Peixe deixou a desejar na partida, sem conseguir ser produtivo no ataque e deixando muito espaço em suas subidas. Também foi a partir de um erro dele que a jogada do gol surgiu, quando tentou antecipar um passe no meio de campo e abriu uma avenida na defesa do Santos. O América aproveitou a brecha e conseguiu capitalizar na jogada.

ESTREIA DE LUAN

Emprestado ao Peixe, o meia-atacante fez sua primeira partida pelo clube. O jogador de 28 anos entrou aos 31 minutos da etapa final e pouco conseguiu fazer em campo. Foi o seu primeiro jogo desde 19 fevereiro deste ano, na partida contra o Botafogo-SP. Ele não era sequer relacionado pelo Corinthians desde a partida de 21 de abril, contra a Portuguesa-RJ.

ATUAÇÃO DO AMÉRICA-MG

Em casa, o Coelho conseguiu se defender bem e também sair rápido em contra-ataques perigosos. Foi explorando a velocidade de seus pontas que surgiu o gol e outras principais jogadas ofensivas. O América não deu muito espaço para o adversário criar e terminou com mais finalizações, mesmo com menor posse de bola. Nas principais jogadas do Santos, Cavichioli foi importante para garantir a vitória.

ATUAÇÃO DO SANTOS

O Peixe teve o controle das ações durante boa parte do jogo, mas encontrou dificuldades para traduzir o domínio da posse em oportunidades de gol. O setor do meio de campo da equipe estava com pouca inspiração e não conseguia ligar o ataque, mesmo com Carlos Sánchez procurando orquestrar a saída de bola. Os comandados de Lisca cederam muitos contra-ataques e não conseguiu recuperar a intensidade após o gol.

COMEÇO COM BOLA NA TRAVE

As equipes iniciaram o duelo agitadas, mas com dificuldades na criação. Tanto que as principais oportunidades surgiram em erros dos adversários. No decorrer dos primeiros minutos, o Santos passou a controlar as ações e, após uma roubada de bola na defesa do América, quase abriu o placar.

Marcos Leonardo recebeu na área e finalizou na trave, mas a jogada não valeu porque o bandeirinha sinalizou impedimento. No entanto, as imagens da transmissão mostraram no replay que a posição do artilheiro do Peixe aparentemente era legal. Por isso, caso fosse gol, o VAR provavelmente seria acionado.

CONTRA-ATAQUE MORTAL

Aos 13 minutos, veio um balde de água fria para o Peixe. O América-MG achou uma jogada rápida pelo lado esquerdo do ataque. Pedrinho foi acionado e teve uma avenida para avançar até a área e finalizar forte no canto do gol. João Paulo até chegou a tocar na bola, mas não conseguiu evitar ser vazado.

ÂNGELO NO BANCO

A promessa do Santos começou a partida entre os reservas e só foi acionado por Lisca aos 12 minutos da etapa final. Ele até tentou algumas jogadas individuais, mas não conseguiu contribuir muito devido à falta de criatividade da equipe.

QUASE UM GOLAÇO

O América ainda teve outra grande chance de gol. Wellington Paulista entrou aos 20 minutos do segundo tempo e, logo em seu primeiro toque, levou grande perigo ao gol defendido por João Paulo. O atacante veterano recebeu próximo da área e mandou uma bomba, que acabou explodindo na trave e saindo. Por pouco ele não ampliou o placar.

América-MG: Cavichioli; Raúl Cáceres (Patric), Iago Maidana, Éder, Marlon; Lucas Kal, Juninho, Benítez (Alê); Pedrinho (Felipe Azevedo), Everaldo (Matheusinho) e Henrique Almeida (Wellington Paulista). Treinador: Vagner Mancini

Santos: João Paulo; Madson, Maicon, Bauermann, Felipe Jonatan; Rodrigo Fernández (Camacho), Vinícius Zanocelo (Luan), Carlos Sánchez (Sandry); Lucas Barbosa (Ângelo), Marcos Leonardo (Angulo) e Lucas Braga. Treinador: Lisca

Local: Independência, em Belo Horizonte (MG)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Jr
Auxiliares: Bruno Boschilia e Victor Hugo Imazu
VAR: Heber Roberto Lopes
Cartões amarelos: Luan Patrick (América-MG)
Gols: Pedrinho, aos 13 minutos do primeiro tempo

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Cotidiano

Premiações da Mega-Sena saem para Mongaguá e Praia Grande; veja quanto e lotéricas

Sorteio foi realizado pela Caixa Econômica Federal na noite do último sábado (20)

Cotidiano

Com salários de até R$ 32 mil e vagas no Litoral, concursos públicos abrem inscrições

Os principais concursos públicos e processos seletivos abriram vagas de emprego que abrangem todos os níveis de escolaridade

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter