Alonso passará por exames antes de viajar à Malásia

Alonso bateu forte nos treinos preparatórios para o Mundial de F1 em Barcelona e não participou do Grande Prêmio da Austrália por recomendação médica

Comentar
Compartilhar
19 MAR 201513h13

O espanhol Fernando Alonso precisará se submeter a testes médicos da Federação Internacional de Automobilismo (FIA) antes de viajar à Malásia, país que recebe a segunda prova da temporada de Fórmula 1. O piloto da McLaren perdeu a primeira corrida do ano por causa de um acidente sofrido na pré-temporada.

Alonso bateu forte nos treinos preparatórios para o Mundial de F1 em Barcelona e não participou do Grande Prêmio da Austrália por recomendação médica. Segundo o piloto, ele estava sem sequelas e pronto para correr, mas foi orientado a pular a prova para evitar o risco de sofrer uma segunda concussão em menos de um mês. 

Nesta quarta-feira, Alonso visitou a sede da McLaren na Inglaterra e trabalhou no simulador da equipe, já se preparando para o Grande Prêmio da Malásia, que marcará seu retorno à tradicional escuderia inglesa.

Fernando Alonso foi à McLaren na quarta-feira para trabalhar no simulador da equipe (Foto: Divulgação)

Mas a liberação para o espanhol guiar o carro da McLaren em Sepang só poderá ser dada pelos médicos da Federação Internacional de Automobilismo (FIA). O asturiano deve passar pelos exames necessários já neste domingo.

Em Melbourne, o carro de Fernando Alonso foi guiado pelo dinamarquês Kevin Magnussen, reserva da McLaren. Mas o jovem competidor não teve um bom fim de semana: bateu na sexta-feira de treinos livres e viu seu carro quebrar no caminho entre os boxes e o grid no dia da prova, ficando fora da disputa.