Alisson diz que teve sorte, mas não admite falha em empate da seleção

Ele explicou que ao bater na trave, a bola voltou em seu braço e o atrapalhou

Comentar
Compartilhar
05 JUN 2016Por Folhapress12h30
Alison não admite falha no gol mal anuladoAlison não admite falha no gol mal anuladoFoto: Divulgação/CBF

O goleiro brasileiro Alisson poderia ter deixado o estádio Rose Bowl, em Pasadena, próximo a Los Angeles, como vilão, mas a arbitragem não viu que a bola não saiu pela linha de fundo em chute do equatoriano Bolaños que entrou. Brasil e Equador empataram por 0 a 0 na estreia de ambos na Copa América, neste sábado.

Alisson falhou no lance, que já estava parado, ao jogar a bola para dentro do próprio gol. Ele explicou que ao bater na trave, a bola voltou em seu braço e o atrapalhou. Mas não admitiu a falha.

"Não tem bola fácil. Quando o goleiro faz uma grande defesa e a jogada já estava parada por impedimento, ninguém fala nada", disse o arqueiro de 23 anos, que recentemente deixou o Inter para a Roma, da Itália.

Titular da seleção desde outubro de 2015, na vaga de Jeferson, essa seria sua primeira falha. Ele diz que na hora do lance achou que a bola saiu, mas depois vendo pela TV ficou na dúvida.

"Tive sorte que o juiz marcou. É um lance difícil, tem imagem de TV que parece que saiu de campo, outra que não", disse Alisson.