Tribunal de Justiça convoca mais de 233 mil para provas de escrevente

Santos tem 14.218 inscritos. Enquanto São Paulo contará com 103.625 participantes

Comentar
Compartilhar
23 NOV 201214h23

 

Foi divulgada nesta sexta-feira (23), pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, a lista de inscritos para as 1.035 vagas de escrevente técnico judiciário, que requer o nível médio e paga salários de R$ 3.355,36, sem contar os auxílios para alimentação, saúde e transporte, que elevam a remuneração a R$ 4.191,36.
 
Santos tem 14.218 inscritos. A cidade que receberá a maior parte dos concursandos será a capital paulista, com 103.625 participantes.
 
As provas objetivas, de caráter classificatório e eliminatório, serão realizadas nas cidades de Araçatuba, Bauru, Campinas, Presidente Prudente, Ribeirão Preto, Santos, São José do Rio Preto, São José dos Campos, São Paulo e Sorocaba no dia 2 de dezembro. A consulta aos locais de aplicação pode ser feita no site da Vunesp. 
 
Os testes trarão 80 questões para serem respondidas em até 4 horas. As perguntas estarão segmentadas entre as disciplinas de língua portuguesa (30), conhecimentos em direito (38), atualidades (quatro), matemática (quatro) e informática (quatro).
 
Classificação 
 
Os 1.800 melhores colocados na lista geral e as 90 pessoas com deficiência relacionadas na lista especial da comarca da capital, além dos 200 que obtiverem as melhores notas na lista geral e dos 10 classificados na lista especial das circunscrições judiciárias, estarão habilitados para a segunda etapa do concurso, composta por prova prática de digitação.
 
A carreira de escrevente técnico judiciário no TJ/SP prevê a realização de tarefas como: execução de atividades relacionadas à organização dos serviços que envolvam as funções de suporte técnico e administrativo às unidades do Tribunal de Justiça; dar andamento em processos judiciais e administrativos; atender ao público interno e externo; elaborar e conferir documentos; controlar a guarda do material de expediente, e atualizar-se quanto à legislação pertinente à área de atuação e normas internas.