Essa é a hora de conquistar a sua vaga

Cerca de 13 mil chances estarão disponíveis na Baixada Santista

Comentar
Compartilhar
15 NOV 201212h39

É só andar pelas ruas dos centros comerciais da Região para perceber a quantidade de vagas temporárias disponíveis para este fim de ano. E melhor, o que é temporário pode ser tornar efetivo, só depende do empenho do empregado. Já em setembro, o Sindicato do Comércio Varejista da Baixada Santista divulgou pesquisa afirmando que a temporada de verão pode gerar até 13 mil vagas, um crescimento de 8,3% em relação ao ano passado.

Segundo os lojistas entrevistados – cerca de 400 empresários -, 67% afirmam que irão contratar ao menos um funcionário temporário. Dependendo da necessidade, 11% afirmaram que há a possibilidade de contratar até quatro funcionários.
 
A hora de conseguir um emprego temporário é agora, pois as empresas entram em fase de contratação, devido ao aumento da população, com a vinda de turistas e com os pagamentos de final de ano, como o 13º salário. “Este é um fator positivo para comércio no final do ano, pois o poder de consumo das famílias tende a aumentar”, afirma Alberto Weberman, presidente do Sindicato. Cerca de 20% das vagas podem ser preenchidas por jovens em situação de primeiro emprego.
 
Vagas cresceram cerca de 8% esse ano (Foto: Arquivo/DL)
 
Em nível nacional, segundo a Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário (Asserttem) e pelo Sindicato das Empresas Prestadoras de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário do Estado de São Paulo (Sindeprestem), o final do ano deve motivar a contratação de 155 mil vagas de trabalho temporário em todo país, número 5,5% maior do que o verificado em 2011, quando foram contratados 147 mil temporários. A previsão para São Paulo é de 46.299 vagas temporárias. Isto significa que a Baixada Santista é responsável por 28% das vagas no Estado.
 
Dos 155 mil contratos de trabalho temporário previstos em todo país, 15% têm chance de efetivação. Portanto, 23 mil brasileiros (4,5% a mais do que em 2011) poderão conseguir emprego novo e efetivo depois das festas de final de ano.
 
Mostre suas habilidades para efetivar no emprego
 
É importante que quem esteja procurando uma vaga no mercado de trabalho fique atento a algumas dicas em relação a apresentação do currículo e na entrevista de emprego. Para quem deseja procurar uma vaga no comércio como em shoppings, supermercados, lojas especializadas em vestimentas, calçados e no setor de perfumaria por exemplo, é importante que os currículos sejam enviados até este mês, pois elas acabam chamando funcionários e colaboradores extras.
 
Ao digitar o currículo, o ideal é colocar foto de rosto, tipo 3 por 4, no currículo, pois os estabelecimentos têm um perfil exato de vendedoras. Geralmente, os serviços temporários abrangem a faixa etária de 18 a 39 anos. É importante também o candidato possuir, no mínimo, o Ensino Médio completo, além de ser comunicativo, simpático e ter facilidade em se relacionar com o público e ser cooperativo no trabalho em equipe.
 
E, após conseguir a vaga, se o funcionário atender a demanda da empresa, com bom desempenho e dedicação, mostrando suas habilidades, é possível que a contratação de três meses seja efetivada.

Colunas

Contraponto