Alunos de Guarujá transmitem mensagens sobre a paz por meio de concurso

De um total de 67 cartazes confeccionados, 10 foram selecionados na última segunda-feira (11); os vencedores serão conhecidos no próximo dia 18

Comentar
Compartilhar
13 NOV 201315h23

Como reunir ideias sobre nações, natureza, indústria, tecnologia e outras questões como amizade e respeito, em um só trabalho? Em Guarujá isso é possível. Tendo como tema “O Nosso Mundo, Nosso Futuro”, 18 escolas de ensino fundamental da rede municipal de Guarujá participam de concurso sobre a paz promovido pelo Lions Clube Guarujá Sul (Avenida Vicente de Carvalho, 275 – Jardim Boa Esperança). Na última segunda-feira (11), um coquetel marcou a classificação de 10 cartazes, dos 20 expostos para escolha.

A iniciativa conta com a parceria da Secretaria Municipal de Educação. O principal objetivo é fazer com que os estudantes estejam conectados com o mundo, e que o tema possa ser debatido dentro de sala de aula.

O empenho dos estudantes da rede municipal rendeu um total de 67 trabalhos confeccionados. Destes, uma comissão julgadora da Seduc selecionou os 20 melhores, representando 12 escolas, que foram apresentados na segunda. Foram avaliados quesitos como tamanho do cartaz, originalidade ao tema e criatividade.

Participam alunos de 11 a 13 anos das seguintes escolas municipais: 1º de Maio, Afonso Nunes, Almeida Júnior, Angelina Daige, Benedicta Blac, Benedito Cláudio, Dirce Valério, Francisco Figueiredo Franklin Delano, Giusfredo Santini, Ivonete da Silva, Lúcia Flora, Lucimara de Jesus, Myrian Terezinha, Mário Cerqueira, Napoleão Laureano, Maria Aparecida Ramos Camargo e Valéria Crisitina.

No coquetel desta segunda, uma mesa julgadora voluntária selecionou os 10 melhores. O evento contou com a presença expressiva de pais, professores, diretores, orientadores, que incentivavam os estudantes no desenvolvimento dos cartazes.

De acordo com a coordenadora de Educação Artística da Seduc, Gislene Canfild, “além de estar se expressando através da arte, no desenho, os alunos expressam como vivenciam o hoje e como aprenderam a enxergar o futuro”.

Segundo o presidente do Léo Clube Guarujá Sul (juventude), Fábio Antunes, a adesão dos alunos surpreendeu neste ano. “Estamos com 75 alunos participando e esse número foi maior que a edição anterior, que contou com 29. Fico feliz por esse empenho dos alunos e educadores, e a nossa pretensão é ampliar para o ano que vem”.

Mateus Giangiulio Oliveira, aluno do 5º ano, da EM Myrian Terezinha desenhou um globo terrestre e caprichou com muito verde, colorindo o trabalho. “Aprendi que unidos conseguimos fazer um mundo melhor”.

Já Davi Clemente Coutinho, 8º ano, 12 anos, da EM Napoleão Rodrigues Laureano e enfatizou no seu trabalho a separação de um casal. “Muitos casais brigam e os filhos ficam sentidos. Aprendi que tem que existir paz em todos os lugares”.

Mayara Rodrigues dos Santos cursa o 9º ano da EM Benedito Cláudio. Em seu cartaz explorou questões como violência, poluição e trânsito, fatores estes que interferem e muito na vida do ser humano. “Tudo na vida tem que ter paz e resolver com calma. É preciso batalhar mais”.

A secretária de Educação de Guarujá, Priscilla Bonini, explica que é muito gratificante, e curioso, ver como cada aluno se expressar de um modo bastante original. “Os nossos jovens possuem uma capacidade incrível. Somos apenas instrumentos para que eles possam se expressar da maneira mais livre”.

Premiação – Os ganhadores do concurso sobre a paz serão conhecidos na próxima segunda-feira (18), em um jantar de premiação, no próprio Lions Clube Guarujá Sul. Os jovens vencedores receberão prêmios: bolsa de estudo de qualificação profissional (1º lugar), tablet (2º lugar) e uma bicicleta (3º lugar).