Queda de 1,9% no varejo em março é pior resultado desde março de 2003, diz IBGE

Em relação a março de 2016, o varejo teve queda de 4,0%, a 24ª taxa negativa consecutiva nesse tipo de comparação

Comentar
Compartilhar
11 MAI 2017Por Estadão Conteúdo18h00
Na comparação com março de 2016, houve redução de 2,7%Foto: Divulgação

A queda de 1,9% nas vendas do varejo em março ante fevereiro foi pior resultado para o setor desde março de 2003, quando tinha registrado uma redução de 2,5%, segundo os dados da Pesquisa Mensal de Comércio divulgados nesta quinta-feira, 11, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Em relação a março de 2016, o varejo teve queda de 4,0%, a 24ª taxa negativa consecutiva nesse tipo de comparação. 

No varejo ampliado, que inclui as atividades de veículos e material de construção, a queda de 2,0% em março ante fevereiro foi a mais intensa especificamente para o mês desde 2003, quando recuou 2,1%. 

Na comparação com março de 2016, houve redução de 2,7%.