X
ECONOMIA

Programa de educação financeira pode ajudar a economizar salário de colaboradores

É importante entender quais são os hábitos financeiros dos seus colaboradores

Os benefícios corporativos nunca podem ser deixados de lado / Marcello Casal Jr / Agência Brasil

Em um momento de crise econômica, não há dúvidas de que a maioria das pessoas está procurando maneiras de economizar e manter uma vida financeira saudável. Para quem lida com colaboradores, a situação é ainda mais desafiadora: é importante pensar em maneiras de ajudar o funcionário a poupar dinheiro, afinal de contas, o estresse financeiro prejudica a produtividade.

Faça parte do grupo do Diário no WhatsApp e Telegram.
Mantenha-se bem informado.

Pensando em contribuir com quem está encarando esse desafio e quer descobrir maneiras de auxiliar o colaborador a economizar, a Allya, HR Tech com foco em benefícios corporativos e bem-estar financeiro, lista quatro dicas. 

Conheça os hábitos
Antes de qualquer coisa, é importante entender quais são os hábitos financeiros dos seus colaboradores: você conhece o índice de bem-estar financeiro? Sabe se alguns estão vivenciando uma situação de estresse financeiro? Eles já possuem o hábito de investir? Fazer esse levantamento, por meio de pesquisas internas online, por exemplo, é importante para entender a melhor forma de abordar a educação financeira dentro da empresa. 

Inicie um programa de bem-estar financeiro
Após entender o cenário, comece a levar profissionais qualificados para ajudar, orientar e educar financeiramente os colaboradores - afinal de contas, esses especialistas darão todo o suporte necessário desde o início do planejamento financeiro, entendendo quanto ganha, quanto gasta, onde é possível economizar, como quitar as dívidas e quanto é possível investir. As organizações que implementam programas focados em bem-estar financeiro conseguem reter mais talentos, abrir oportunidades e possuem a vantagem de contar com um time mais saudável, motivado e produtivo. 

Divulgue materiais de educação financeira
Aproveite a tecnologia e utilize as redes sociais e o e-mail para divulgar e promover conteúdos sobre educação financeira. Muitas vezes, dicas que parecem simples sobre economia e investimento, por exemplo, podem ajudar os colaboradores a tomarem melhores decisões relacionadas ao salário que recebem. 

Benefícios corporativos
Os benefícios corporativos nunca podem ser deixados de lado e, cada vez mais, é necessário ir além do tradicional vale-refeição e vale-transporte. Pense em novos benefícios e parcerias que ajudem o colaborador a poupar dinheiro em diversas outras esferas da sua vida, como cursos, livros, medicamentos e lazer.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Política

Caso de mulher detida após xingar Bolsonaro será investigado em inquérito, decide Justiça

A decisão acata pedido do Ministério Público Federal (MPF), que apura suposta abordagem indevida e abusiva dos policiais rodoviários federais e policiais federais

Eleições 2022

Após Moro dizer que Lula 'arregou', PT afirma que não dará holofotes a ex-juiz

Em postagem no Twitter, Moro disse que Lula "arregou" ao pedir para o partido desistir por ter "medo das verdades incômodas que iriam surgir"

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software