BC estima dívida externa de US$ 309,86 bi em setembro

A dívida externa de longo prazo atingiu US$ 277,233 bilhões em setembro, enquanto o estoque de curto prazo estava em US$ 32,627 bilhões no fim do mês passado

Comentar
Compartilhar
25 OUT 201313h07

O Banco Central informou nesta sexta-feira, 25, que a estimativa para a dívida externa brasileira em setembro de 2013 é de US$ 309,860 bilhões. Em junho de 2013, último dado verificado, a dívida estava em US$ 318,043 bilhões. No fim de 2012, estava em US$ 312,898 bilhões.

A dívida externa de longo prazo atingiu US$ 277,233 bilhões em setembro, enquanto o estoque de curto prazo estava em US$ 32,627 bilhões no fim do mês passado, segundo estimativas do BC. A queda em relação a junho se deu, principalmente, no passivo dos bancos, que recuou de US$ 141,986 bilhões para US$ 132,407 bilhões, devido à amortização de empréstimos e títulos no mês passado, segundo o BC.

A taxa de rolagem de empréstimos de médio e longo prazo captados no exterior ficou em 94% em setembro. Apesar de ainda ser insuficiente para cobertura total dos vencimentos, o porcentual já está bem melhor do que a taxa de 33% vista em agosto. Em igual período do ano passado, a taxa geral estava em 367%.

Dos números apresentados hoje pelo BC, a taxa de rolagem de bônus, notes e commercial papers ficou em 71% no mês passado. Em setembro de 2012, estava em 349%. Já os empréstimos diretos conseguiram uma cobertura de 134% em setembro, ante 385% do mesmo mês de 2012.

O Banco Central informou nesta sexta-feira, 25, que a estimativa para a dívida externa brasileira em setembro de 2013 é de US$ 309,860 bilhões (Foto: Divulgação)