X
Economia

Confira 7 dicas para quem quer comprar imóvel na planta

Antes de pensar que a leitura do contrato é o passo mais importante, saiba o que mais é preciso

Especialistas recomendam orientações que farão a diferença na parte jurídica e no relacionamento com a incorporadora / Divulgação

Com as taxas de juros ainda entre as mais baixas da história, adquirir um imóvel novo nunca esteve tão atrativo. Os financiamentos imobiliários estão menos burocráticos e construtoras e incorporadoras estão a todo ritmo com lançamentos e melhores condições para fechamento. No entanto, todo cuidado é pouco e pode ajudar a evitar futuros problemas.

E antes de pensar que a leitura do contrato é o passo mais importante, saiba que é preciso conhecer a reputação da empresa que vai edificar sua propriedade, analisar a matrícula do empreendimento e o memorial descritivo, assim como estar atento às fases que esse processo terá até a data de entrega e o cumprimento de prazos, entre outros detalhes importantes.

Uma empresa conhecida no mercado por não atrasar as suas obras, por não ter problemas de legalização do terreno e da construção e ter um tempo considerável de existência acaba oferecendo mais segurança ao comprador.

Gerente de marketing e comercial da EBM Desenvolvimento Imobiliário, Ademar Moura ressalta que é importante que o cliente saiba reconhecer o cenário de moradia.

"Caso a pessoa more de aluguel, é preciso levar em consideração as parcelas até o momento da entrega da chave. Do mesmo modo, é importante já fazer a previsão de gastos com fatores como mudança, possíveis reformas no imóvel anterior a ser entregue, projeto de decoração e mobiliários, assim como as próprias parcelas de financiamento."

O processo de compra de imóvel na planta também implica em um maior período de tempo até o momento da entrega das chaves. E esse ínterim acaba se tornando um atrativo, um canal de oportunidades, conforme explica o empresário.

"Em alguns momentos convidamos os clientes para acompanharem a obra, conhecer o apartamento modelo, realizar o chamado dia da medição, para que possam medir os espaços e se organizar melhor para a entrada de móveis. São momentos de parceria que aproximam e acabando garantindo um ganho de tempo", explica.

Outro aspecto que merece atenção é o financeiro. "Quando se compra um imóvel na planta, a média que se paga em captação até a entrega das chaves é em torno de 25% a 30%, geralmente. Então, esse capital que será investido, tendo até a entrega do empreendimento para montar o fluxo de pagamento que melhor atende. No comparativo com um imóvel pronto, por exemplo, o valor de entrada é maior, sendo necessária a entrada de até 40% ou 50% à vista, o que pode dificultar o orçamento", avalia Ademar.

Confira quais são os sete cuidados ao comprar um imóvel na planta:

1. Conheça bem a construtora

2. Verifique a documentação do empreendimento

3. Guardar toda a documentação e correspondência

4. Atenção ao memorial descritivo

5. Dê preferência a empreendimentos que estejam financiados ou possuam seguro fornecido por instituições financeiras renomadas

6. Negocie as cláusulas para o caso de desistência de compra e venda

7. Formalize toda a transação no cartório de registro de imóveis.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Brasil

Para o Natal: bolo de bolacha da Ana Maria Braga vira febre na internet; veja a receita

A sobremesa rende até 11 porções

Cotidiano

Neymar vence prefeitura de Santos em briga judicial

A Neymar Sport e Marketing tem como sócios Nadine Gonçalves e Neymar da Silva Santos, pais do atleta do Paris Saint-Germain e da Seleção Brasileira

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software