'Querô na Escola' premia vencedores

As escolas municipais Oswaldo Justo, 28 de Fevereiro e Mário de Almeida Alcântara foram premiadas no Cine Roxy 5, pelos melhores curtas produzidos,

Comentar
Compartilhar
28 NOV 201311h57

As escolas municipais Oswaldo Justo, 28 de Fevereiro e Mário de Almeida Alcântara foram premiadas, terça-feira (26), no Cine Roxy 5, pelos melhores curtas produzidos no Projeto Querô na Escola, realizado pelo Instituto Querô, neste semestre. A premiação ocorreu após sessão de estreia de 13 filmes, com presença dos alunos participantes e familiares.

A atividade incluiu oficinas de roteiro, direção, fotografia, processo audiovisual, câmera, entre outros. Depois, foram discutidos temas de interesse dos grupos, com cerca de 30 alunos e, em um segundo momento, realizadas as gravações. Os curtas têm até dois minutos.

Participaram, ainda, a ‘Judoca Ricardo Sampaio’, ‘Monte Cabrão’ e ‘José Carlos de Azevedo Júnior’. Ao todo, foram 279 estudantes dos oitavos anos. A comunidade da Ilha Diana e a escola estadual Azevedo Júnior igualmente fizeram parte desta edição.

Para a secretária Jossélia Fontoura, o 'Querô na Escola' é um canal importante de expressão dos jovens. "Eles refletem, transmitem sentimentos, opiniões e percebem a importância de seu papel no mundo". O projeto tem patrocínio da Embraport, com apoio institucional da prefeitura e Ministério da Cultura.

Ganhadores
O primeiro lugar coube à ‘Oswaldo Justo’, com 'Como deveria ser', sobre mau tratamento a um mendigo e, depois, uma boa acolhida e consequente evolução pessoal. O prêmio foi filmadora e um troféu, recebido por José Guilherme França Neto, de 13 anos. "Acreditamos que todos precisam de oportunidades para ter uma vida melhor", declarou.

Já a segunda colocação foi conquistada pela ‘28 de Fevereiro’, com 'Mudança de Vida', que aborda gravidez na adolescência. A escola também venceu na categoria ‘Destaque’ como unidade mais colaborativa. A equipe ganhou câmera fotográfica e troféu.

A unidade Mário de Almeida Alcântara obteve o terceiro lugar e igual premiação, com 'Recalque', sobre a hipocrisia e pré-julgamentos.