X
Cultura

Novo espetáculo do Kaos fala das tradições nordestinas e as memórias afetivas de um coronel

Baseada em fatos reais, "Até que tú te tornes verde" conta um pouco da história do coronel Liberato, um homem que sempre valorizou a educação e enfrentou um dos temidos integrantes do Bando de Lampião, Zé Pretinho

As apresentações acontecem no Teatro do Kaos; a entrada é franca. / Divulgação

Nesta sexta-feira, 19, o Teatro do Kaos estreia a peça Até que tú te tornes verde. Com direção de Fernando Neves e escrito por Cícero Gilmar Lopes, o texto é baseado nas memórias do fundador e presidente do Teatro do Kaos, Lourimar Vieira, neto do coronel Liberato (1884-1975).

A narrativa se passa no povoado do Sabiá, pertencente à cidade Oeiras, no Piauí, e retrata as lembranças do neto e fatos contados pelos familiares do coronel Liberato. Compromissado em ajudar a transformar a vida das pessoas por meio da educação, o fazendeiro chegou a contratar uma professora da cidade para ensinar os moradores do seu povoado.

Respeitado e, ao mesmo tempo, temido, o coronel era responsável por apaziguar os conflitos entre os moradores e até mesmo julgar determinadas ações, impondo penas aos que ele considerava culpados. Entre as marcantes passagens de Liberato, estão o seu acordo com a morte e o enfrentamento de um dos temidos integrantes do Bando de Lampião, o Zé Pretinho.

Além das tradições e costumes da época, o espetáculo reúne fatos históricos, baião, diversão e emoção. Mais do que falar dos momentos de glória do coronel, a peça também mostra as dores do envelhecimento: a perda de memória; a confusão mental e o sentimento de solidão.

Com o patrocínio da Ecorodovias, a montagem marca os 25 anos do Teatro do Kaos e os 40 anos de carreira do fundador-presidente Lourimar Vieira. "Optamos em mergulhar na história dos meus antepassados, em especial, na vida do meu avô, o coronel Liberato. Lembro que, quando criança, ele foi na cidade e trouxe uma professora para morar na casa dele e dar aulas para todos do povoado", conta Lourimar Vieira. 

A peça tem classificação etária de 12 anos, estreia nesta sexta-feira, 19,  às 20 horas, e segue em cartaz até 12 de dezembro. As apresentações acontecem no Teatro do Kaos, localizado na Praça Coronel Joaquim Montenegro, nº 34, Largo do Sapo, em Cubatão. A entrada é franca.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Polícia Civil desmonta laboratório de drogas em São Vicente

Durante ação em combate ao tráfico, equipe apreendeu grande quantidade de crack, cocaína, lança-perfume e maconha 

Santos

Condomínio é multado em mais de R$ 4 mil após zelador despejar tinta e atingir canal de Santos

Funcionário foi identificado pelas câmeras do CCO ao descartar a substância na rede pluvial na Praça Washington, no José Menino

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software