Educasurf ensina esportes aquáticos para pacientes do Caps e população

Além da aula, o público presente irá prestigiar o I Campeonato de Surf Salva Vidas, realizado com diversas modalidades, e a celebração da prancha doada por Gabriel Medina

Comentar
Compartilhar
12 MAR 201513h10

A ONG Educasurf realiza, no dia 17 de abril (sexta-feira), com apoio da Prefeitura de Guarujá, o I Campeonato de Surf Salva Vidas, que terá o tema “Contra o veneno das drogas”. As atividades acontecem na praia da Enseada, ao lado do Posto 8 dos Bombeiros, na sede do Educasurf e começam às 9 horas com atendimento especial ao público dos Centros de Atendimento Psicossocial (Caps).

Após o campeonato, cada esportista dará uma aula do esporte que pratica ao público presente. A ação terá a participação de todos os Caps, instituições ligadas à saúde, segurança, escolas públicas e ao terceiro setor do Guarujá (entidades e associações). O valor da entrada ao evento é um quilo de alimento não perecível.

A população também pode comparecer para experimentar as modalidades oferecidas (standp up, long board, body board e prancha). Os vencedores ganharão medalha, brindes e um passeio na Ilha das Cabras, volta de banana boat ou jet ski.

Segundo o coordenador do Campeonato de Surf anti drogas, Projeto Salva Vidas, Neimar Goes, durante o evento será celebrada a "Prancha do Bem", que foi doada pelo campeão mundial Gabriel Medina.

"Foi uma atitude muito bonita e vamos celebrar essa ação. O atleta doou uma das pranchas que usou no campeonato mundial para o projeto e isso significa muito para nós" sensibiliza-se. A prancha doada por Medina foi leiloada e o valor arrecadado direcionado para trabalhos sociais da ONG.

As secretarias de Esportes e Lazer, Saúde e Relações Institucionais apoiam o evento. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Projeto Reviver, Consegue (conselhos do Guarujá), AJA (associação dos jovens do amanhã), Lions Clube, Lucky JetSki, Azenis, Fundo de Areia, Policia Militar e o Corpo de Bombeiros também estão juntos nessa inciativa.

Cronograma

9 horas – Grupo de stand up paddle, surfistas, praticantes de esporte náuticos e condutores de embarcações sairão da Ilha das Cabras em direção ao Posto 8 (local do evento).

9 às 12 horas – Atendimento ao público da saúde mental incluindo álcool e drogas e outras instituições.

12h30 – parada para almoço

13h30 às 17 horas – Festival de Surf combatendo o uso de drogas