Cotidiano das catadeiras é tema de exposição no Museu do Café

Intitulada Pianistas de armazém: trabalho feminino na catação, a mostra visita a trajetória de personagens que trabalharam no setor de rebeneficiamento

Comentar
Compartilhar
21 NOV 2018Por Da Reportagem18h40
O Museu do Café funciona de terça a sábado das 9h às 17hO Museu do Café funciona de terça a sábado das 9h às 17hFoto: Divulgação/PMS

A história das mulheres que exerceram a catação de café, uma das práticas mais importantes para a exportação do produto, é o tema da nova exposição temporária do Museu do Café (R. XV de Novembro, 95, Centro Histórico), a ser aberta nesta quinta (22), às 18h.

Intitulada Pianistas de armazém: trabalho feminino na catação, a mostra visita a trajetória de personagens que trabalharam no setor de rebeneficiamento, processo que elimina grãos defeituosos do lote de café, tornando-o mais lucrativo. O serviço era considerado penoso, mas, devido ao foco, destreza e agilidade das mulheres, elas ficaram conhecidas como pianistas.

Além de recursos de imagens, depoimentos, trechos de notícias e vídeos, a exibição proporcionará um ambiente temático, reproduzindo elementos cenográficos de um armazém de catação.

O Museu do Café funciona de terça a sábado das 9h às 17h e, aos domingos, entre 10h e 17h - aos sábados, a visitação é gratuita. Já a Cafeteria do Museu abre de segunda a sábado, das 9h às 18h e, aos domingos, entre 10h e 18h.