Confraternização marca passagem do Dia de Portugal

Discursos e apresentações culturais fizeram parte da programação em Cubatão

Comentar
Compartilhar
10 JUN 201413h44

"Temos 400 portugueses no Município, que tem Aveiro como cidade-irmã. Em Cubatão, vivemos sempre com os portugueses, muito aqui era tocado por eles, a locomotiva da Cidade de Cubatão". As palavras são do prefeito de Cubatão, Wagner Moura, que compareceu à solenidade em comemoração ao Dia de Portugal, de Luiz de Camões e das Comunidades Portuguesas, na manhã desta terça-feira, 10 de junho, no Bloco Cultural José Edgard da Silva. O evento deixou de acontecer na Praça Portugal em virtude do mau tempo, mas à estátua do autor de Os Lusíadas foi depositada uma corbeille, ao lado da qual as bandeiras de Cubatão, do Brasil e de Portugal foram hasteadas. Vale dizer que o Camões faleceu em 10 de junho de 1.580, o porque da data. 

O prefeito não deixou de brindar os representantes da comunidade portuguesa com mais um comentário elogioso: "Vamos ver Portugal na Copa, que tem Cristiano Ronaldo, Portugal está com um timaço", reconheceu. Na ocasião, compareceram ao local, secretários municipais, funcionários da Prefeitura, portugueses radicados na Cidade e representates de entidades. A Associação Luso Brasileira de Cubatão (Alubrac) esteve representada por seu atual presidente, Carlos Augusto Costa, o Buda; o Consulado de Portugal de Santos e Região, por seu gestor José Augusto do Rosário. A promoção da Alubrac, contou com o apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Comunicação (Secom).

Também estiveram representados o Elus Club Internacional e o Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente. O futuro presidente da Alubrac, Maurício Campina, a tomar posse na próxima sexta-feira (13) também compareceu ao Bloco Cultural. O momento artístico ficou a cargo do coral Raízes da Serra, regido pela maestrina Sandra Diogo Moço, acompanhado ao piano por Ruth Menezes. Uma coreografia do folclore lusitano também brindou os participantes.O tecladista e cantor Amauri Fontes encarregou-se da apresentação final da comemoração, encerrada por um café da manhã.

Responsáveis por Camões - Carlos Augusto Costa, o Buda, preparou longo discurso com o qual homenageou os participantes. Destacou: "Não poderia deixar de agradecer a três amigos portugueses que juntos arrecadaram dinheiro para fazer essa linda estátua do nosso poeta Luiz de Camões: senhor Mário Jorge de Oliveira, o senhor Mario de Avis, senhor Antonio Ferreira Duarte, o senhor Antônio da farmacia Irajá, e o senhor Manuel Alves Fernandes, o Maneco de A Tribuna". Disse referindo-se à estátua que fica na Praça Portugal defronte da Matriz Nossa Senhora da Lapa, no Centro.

Forneceu ainda mais um dado histórico certamente desconhecido da maioria. Afirmou que antes da Revolução dos Cravos, de 25 de abril de 1974, comemorava-se o "Dia da Raça Portuguesa". Depois dessa data, o 10 de junho passou a ter a denominação utilizada até hoje (constando como o Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas).   

O gestor do Consulado de Portugal de Santos, José Augusto do Rosário, contou ser esta a segunda vez que participa da cerimônia que celebra aquele país em Cubatão. Enalteceu a presença e a contribuição dos cinco milhões de portugueses fora de Portugal, assim como a coragem dos que "tiveram audácia de sair de sua terra e procurar condições melhores". Citou ainda a "fuga de cérebros" recente por que passou Portugal, com a evasão de profissionais gabaritados que foram empregar-se em outros cantos do mundo. "O Brasil também acolheu essa geração de imigrantes" disse, depois de mencionar a queda do desemprego em Portugal.

A cidadde de Cubatão comemorou o Dia de Portugal (Doto: Divulgação/PMC)

Outras programações

Na quarta e na quinta-feira, dias 11 e 12, sempre a partir das 10 horas, no saguão da Prefeitura, haverá exposição de fotografias alusivas ao Dia de Portugal. Na sexta-feira, dia 13, com início previsto para as 19 horas, no auditório Hugo Scanavacca, da Câmara de Cubatão, deverá ocorrer solenidade para a posse da diretoria da Associação Luso Brasileira de Cubatão, para o biênio (2014/2016), além de apresentação do site oficial da Alubrac.

Jantar e fado

O encerramento deverá ocorrer no sábado, dia 14, a partir das 20h30, com jantar dançante, no Esporte Clube Jardim Casqueiro (Avenida Brasil, 296). Haverá apresentações dos dos Irmãos Ribeiro e da fadista Marli Gonçalves. O prato principal é bacalhoada, e o convite custa R$100,00 (individual), com direito a bebida, inclusive vinho português. Mais informações com o presidente da Associação, o Buda.