Com novo formato, Criança Esperança vai ao ar nesta segunda

Público será convidado a doar esperança e doação de recursos financeiros ficará restrita às empresas

Comentar
Compartilhar
28 SET 2020Por Gazeta de S. Paulo06h06
Artistas gravaram de casa as apresentações Artistas gravaram de casa as apresentaçõesFoto: DIVULGAÇÃO

Por Gladys Magalhães

A pandemia do novo coronavírus alterou a vida de milhões de pessoas ao redor do mundo e o formato de vários eventos, entre eles o Criança Esperança. O show vai ao ar nesta segunda-feira, 28 de setembro, e será comandado dos Estúdios Globo por Fátima Bernardes, Luis Roberto, Tiago Leifert, Jessica Ellen, Luciano Huck e Maju Coutinho. Haverá ainda a participação remota de Pedro Bial, Serginho Groisman e Ana Maria Braga.

O programa, que está em sua 35ª edição, pela primeira vez, não terá plateia presente, nem apresentações musicais no palco. Chama a atenção ainda o fato do nome de Renato Aragão, que deu início ao projeto na Rede Globo, não ter sido citado nos comunicados da emissora. Vale lembrar que, recentemente, o comediante teve seu contrato encerrado no canal carioca.

As apresentações musicais também serão feitas direto da casa dos artistas. Sandy e Péricles, por exemplo, vão fazer um dueto em número ecumênico, ao lado de representantes de diferentes religiões num chamado pela paz. Alcione reedita a parceria com Iza e a dupla prestará uma homenagem à força da mulher brasileira. A dupla Zé Neto e Cristiano e o cantor Dilsinho vão protagonizar uma batalha de hits. Já Larissa Manoela vai homenagear os profissionais da linha de frente do combate à Covid-19 e os trabalhadores essenciais.

Doações

Outra novidade trazida pela pandemia está nas doações. Em vez do tradicional 0500, o público será convidado a fazer doação de esperança. Ou seja, quem quiser poderá enviar vídeos inspiradores de até 15 segundos, com a possibilidade de vê-los exibidos ao longo da programação, ou conversar com o elenco da emissora nos Mesões da Esperança.

Os recursos financeiros, por sua vez, serão provenientes de doações de empresas. “Neste ano tão atípico, nos aproximamos ainda mais das pessoas e do mercado, para compreender as mudanças e novas demandas (...). E neste cenário, as mudanças propostas para o ‘Criança Esperança’ representam uma convergência de objetivos e união de forças, com os brasileiros doando e compartilhando esperança e nossos parceiros comerciais apoiando os projetos que transformam a vida de crianças e jovens em todo Brasil”, disse o diretor de Negócios Integrados em Publicidade da Globo, Eduardo Schaeffer.

O show do Criança Esperança vai ao ar nesta segunda-feira (28), após 'A Força do Querer'. Para enviar vídeos de apoio basta acessar www.criancaesperanca.com.br.