Brasileiros estão lendo mais romances e HQs durante a pandemia

Segundo pesquisa realizada pela consultoria GFK, mudança nos gêneros preferidos dos brasileiros indica o desejo de fugir da realidade

Comentar
Compartilhar
09 AGO 2020Por Gazeta de S. Paulo08h35
Os brasileiros mudaram seus hábitos de leitura durante a pandemia do coronavírusFoto: Claudia Wolff/Unsplash

Por Gladys Magalhães

Os brasileiros mudaram seus hábitos de leitura durante a pandemia do novo coronavírus. Segundo levantamento realizado pela GFK, na quarentena, houve crescimento nas vendas de romances e HQS, que assumiram as primeiras posições dos gêneros mais vendidos, ultrapassando os tradicionais líderes de mercado, os livros de Autoajuda e Infanto-juvenis.

De acordo com a empresa de pesquisa, “a fuga da realidade para uma alternativa, presente em mundos fantasiosos” explica a alternância na preferência do consumidor.

O aumento nas vendas, inclusive, já é sentido nos preços dos boxes, que no início da quarentena estavam em queda, mas, agora, já apresentam alta de 33% sobre a média de 2019. Abaixo, os boxes mais vendidos nos últimos meses.