Baterista do Black Sabbath revela ser fã de banda brasileira

Após impecável apresentação no Rick in Rio, o Krisiun, um dos nomes mais respeitados do heavy metal mundial, foi elogiado por Bill Ward

Comentar
Compartilhar
27 DEZ 201321h09

Bill Ward, baterista original do Black Sabbath, recentemente concedeu interessante entrevista ao site canadense HellBound. O músico falou sobre diversos assuntos relacionados à sua carreira e o cenário do rock/metal atual, mencionando o trabalho de diversos grupos, entre eles, o Krisiun, um dos maiores expoentes do heavy metal brasileiro no exterior.

Confira abaixo o trecho da entrevista o qual o renomado artista exalta o trabalho de Alex Camargo (baixo/vocal), Moyses Kolesne (guitarra) e Max Kolesne (bateria).

Você tem um estilo ou um sub-gênero do metal em particular que te atraia mais?
Ward: Não exatamente – se a música pegar meu coração e meus ouvidos, então pronto. Geralmente descubro depois como se chama aquele gênero. Se o som é bom, eu abraço – desde o Cryptosy, Arch Enemy ou Krisiun – é tudo coisa boa, uma forma muito grandiosa de se tocar. Veja bem, é a energia que me empolga. Eu tenho uma mente aberta e tento não ser crítico com nenhuma banda, mesmo se for algo fora do meu gosto pessoa. Afinal, alguém trabalhou muito duro naquela música.

O Krisiun saudou o elogio através de sua página oficial no Facebook: "É uma honra imensurável".

Bill Ward é o baterista da formação original do Black Sabbath (Foto: Divulgação)

Com uma infindável lista de hits como “Kings of Killing”, “Bloodcraft”, “The Will to Potency”, “Blood of Lions”, “Combustion Inferno” e “Vicious Wrath”, e diversos álbuns que se tornaram clássicos como “Black Force Domain” (1995), “Apocalyptic Revelation” (1998), “Bloodshed” (2004), “Southern Storm” (2008) e “The Great Execution” (2011), há muito tempo, o Krisiun se estabeleceu como um fenômeno global.

Neste momento, a banda segue a turnê promocional de "The Great Execution", considerado um dos melhores discos lançados nos últimos tempos pela imprensa especializada mundial.