18º Fescete premia mais de 40 artistas e estudantes da Baixada Santista

Ao todo, foram mais de mil atores e estudantes no palco se apresentando para 10 mil espectadores durante toda a quinzena do festival

Comentar
Compartilhar
30 JUN 201412h26

Com o tema “A Arte Celebra a Vida”, o 18º Fescete – Festival de Cenas Teatrais premiou mais de 40 artistas e estudantes de Teatro da Baixada Santista, com objetivo de fomentar novos grupos na região. O evento de encerramento ocorreu na última sexta-feira, no Teatro Braz Cubas (Av. Pinheiro Machado, 48, Vila Mathias). Ao todo, foram mais de mil atores e estudantes no palco se apresentando para 10 mil espectadores durante toda a quinzena do festival.

Os destaques da categoria mirim foram os arte-educadores Dario Félix (sonoplastia, cenografia e figurino) e Paola Caruso (cenografia, figurino e direção), premiados em várias cenas, e os grupos “Feiurinha”, Balé Jovem de SV (júri popular), “Futebol dos Bichos”, da Cia Presepada Kids (3º lugar), “Domingo no Parque”, da Presepada Baby (2º lugar) e “O Reino da Bestolândia”, do Na'vi (1º lugar).

Na categoria estudantil 1 – Ensino Fundamental, a mais premiada foi a professora do Colégio Objetivo Ponta da Praia, Déia Oliveira (cenografia e direção), com a cena “Érica e as suas Aventuras no Museu” (1º lugar). Também foram contempladas as esquetes: "Imaginar, Brincando a gente descobre", do Objetivo Embaré (3º lugar), "Em Busca da Inspiração Perdida", do Anglo Santos (2º lugar), "Queijomeu e Goiabeta", do Colégio Atlas (também em 1º lugar).

Com o tema “A Arte Celebra a Vida”, o 18º Fescete – Festival de Cenas Teatrais premiou mais de 40 artistas e estudantes de Teatro da Baixada Santista (Foto: Divulgação)

Na categoria estudantil 2 – Ensino Médio, também foi laureada Déia Oliveira, (texto, sonoplastia, cenografia, figurino e direção), desta vez pelas montagens dos alunos do Colégio do Carmo, “O Menino de Alto Berço” (2º lugar) e “64” (1º lugar). Entre as melhores cenas, destaque para “Caixa de Brinquedos”, do Colégio França (júri popular) e “Olhos de Assis”, do Colégio Jean Piaget (3º lugar).

Por sua vez, foram três as principais montagens da mostra de monólogos:  “64”, do Balé Jovem de SV (atriz revelação Maria Clara, direção Maria Tornatore, júri popular e 3º lugar), “Um Metro de Terra”, do Teatro Delivery (texto de Roberto Borentein e Leandro D'Errico e 2º lugar) e “O Primeiro Milagre do Menino Jesus”, da Cia do Elefante (ator Marcelo Marinho e 1º lugar).

E na mostra competitiva adulta, Um Grupo de Dois foi o maior contemplado com cinco prêmios (texto original, iluminação, cenografia, atores e 1º lugar), formado pelos atores Arthur Gomes e Filipe S. C. Lima e o diretor Fabiano Di Melo. Também brilharam as seguintes cenas: "Retratos de Infância", da Cia Dons de Teatro (júri popular), "O Noviço", de Arte e Estudo (júri popular), "ECA na Escola", da Taetro de Teatro (3º lugar), "Experimento 5-1=4", da Cia que Mudou o Nome (2º lugar).

A cerimônia de encerramento ainda prestou homenagens ao Grupo Vá de Teatro, de Lorena (SP) e aos vencedores do 10º Concurso de Poesia Estudantil do Fescete, para alunos de Ensino Fundamental, Médio e Universitário. A lista completa de vencedores também estará disponível em: www.fescete.com.br.