Polícia Ambiental encontra casa reerguida em área de preservação

Família havia sido retirada do trecho, mas voltou ao local e reergueu residência de alvenaria

Comentar
Compartilhar
23 FEV 2021Por Da Reportagem10h45
Família reergueu casa dentro de área de preservação ambientalFoto: Divulgação / Polícia Militar Ambiental

Agentes da 1ª Companhia do 3º Batalhão de Polícia Militar Ambiental reencontraram nesta segunda-feira (22) uma família que já havia sido retirada de uma área de preservação em um trecho do Parque Estadual da Serra do Mar, em Cubatão. O grupo havia sido flagrado anteriormente em uma residência erguida de maneira irregular, mas foi retirado pelas autoridades. Mesmo assim, eles voltaram ao local e reergueram uma pequena casa de alvenaria.

Segunda informações das autoridades, a Polícia Militar Ambiental fazia uma vistoria próximo à Estrada Elias Zarzur, no bairro Água Fria, em Cubatão, quando descobriu uma reocupação de área que havia sido parcialmente demolida após uma família ter sido atendida pelo 'Programa Habitacional Sócio Ambiental da Serra Do Mar'. 

"Trata-se de uma edificação em uma área onde anteriormente a família que ali habitava foi atendida pelo programa sócio ambiental da operação de revitalização da serra do mar, portanto a família foi retirada de onde habitava, após ter sido atendida pelo programa habitacional, sendo a residência parcialmente demolida, ficando somente o contra piso e parte das paredes da residência. Ao efetuarem a vistoria ambiental, verificaram que foi novamente reocupada a área e construída uma moradia de alvenaria, com cobertura de telhas de fibra cimento. Essa conduta impede pela ação antrópica que a vegetação natural se regenere, a área utilizada para a edificação é de 0,0024 há (6m x 4m), sendo a área total de 0,0289 há".

A vegetação do entorno é de floresta ombrofila densa em estágio médio de regeneração, fora de área de preservação permanente, dentro do Parque Estadual da Serra do Mar Núcleo Itutinga Pilões. Após o flagrante ter sido realizada, os policiais criaram um auto por invasão e infração ambiental. A ocorrência foi encaminhada ao 3º DP de Cubatão.