X
Cubatão

Encenação Paixão de Cristo acontece neste domingo (28)

Coletiva de imprensa apresentou o elenco. Ator Leonardo Miggiorin participa este ano

Ator Leonardo Miggiorin está no elenco este ano / Julimar Gomes/Incena Brasil

A cidade de Cubatão traz, neste fim de semana, a 51º edição da encenação A Paixão de Cristo com o ator Leonardo Miggiorin no elenco principal. Na manhã desta sexta-feira (26) foi realizada no Paço Municipal coletiva de imprensa com toda a equipe envolvida no projeto que foi recebida pelo prefeito Ademário Oliveira em seu gabinete. O evento é uma realização da Associação Incena Brasil e tem apoio da Prefeitura de Cubatão por meio da Secretaria de Cultura.

Leonardo Miggiorin, que interpreta Pôncio Pilatos, participa pela primeira vez da encenação na cidade e tem carinho especial pela temática: "Eu amo histórias da bíblia, até mesmo por conta dos meus pais, somos católicos. São histórias que formaram a nossa cultura. É uma encenação que envolve muitas famílias, muitas pessoas, um gesto de resistência, dessa cultura que nos une, que nos traz o afeto e que faz a gente pensar sobre as nossas ações. É realmente um momento de refletir e elevar a alma."

O espetáculo será encenado neste domingo (28), às 19h, na arena montada no Centro Social Urbano (CSU) e tem direção geral de Cibelle Piacentini. O evento será transmitido gratuitamente pelo Facebook e YouTube. Com direito a intérprete de Libras e audiodescrição, a sessão será virtual este ano, cumprindo os protocolos sanitários de combate à covid-19.

O prefeito Ademário Oliveira agradeceu a todos os envolvidos na apresentação e completou: "A encenação da paixão de Cristo traz uma mensagem espetacular para todo ser humano. Já é tradicional na cidade, e por é muito importante a realização do espetáculo para toda a população."

 

Uma história sempre atual

O ator José Fernando, protagonista da encenação, ganhou o concurso para interpretar Jesus e destaca a intensa preparação do elenco: "Tive que assistir muitos filmes, fazer muitas pesquisas, pois é uma responsabilidade muito grande. É um misto de felicidade e nervosismo".

O secretário de cultura Zeca Rodrigues expressou a sua felicidade pela realização da encenação: "Daqui a alguns anos, a encenação da paixão será conhecida como a encenação da superação", referindo-se a toda dificuldade causada pelo período de pandemia pelo qual estamos passando.

A assistente de direção Juliana Sousa foi categórica em afirmar que, apesar de se tratar de um espetáculo  com temática de tempos antigos, a história se reverbera ainda hoje na sociedade e destaca  a construção do roteiro da encenação deste ano, que se atualiza a cada edição: "Este ano a história é contada a partir da perspectiva do apóstolo Pedro, já nos momentos finais de sua vida, e ao conversar com o oficial romano vai contando das vivências que teve com Jesus. É uma história que dialoga diretamente com o público".

A produtora executiva e presidente do Incena Rose Vieira se emocionou ao citar todos os envolvidos nas oficinas de interpretação que foram realizadas antes do espetáculo: "Eles não vão poder estar conosco. São mais de 80 pessoas desde bebês até senhoras e senhores de 80 anos, que iam todos os domingos ensaiar e fazer as oficinas, e nós enquanto profissionais achamos que o melhor seria eles não estarem presentes, para zelar pela saúde de todos".

A 51ª Encenação da Paixão de Cristo de Cubatão é realizada pela Associação Cultural Incena Brasil com a parceria do Grupo EcoRodovias por meio da Ecovias, com patrocínio via Lei de Incentivo à Cultura através do Governo Federal via Ministério do Turismo e Secretaria Especial de Cultura. O evento também tem apoio da Prefeitura Municipal de Cubatão e apoio cultural de Floricultura Central, Instituto Embelleze, KNN Idiomas, Salvino Imóveis , Coral Zanzalá e Terracom. Outras informações no perfil oficial da Encenação no Facebook.

Deixe a sua opinião

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Polícia

Guarujá: dois homens são presos após fazer funcionários de um supermercado de reféns

Além das armas de fogo, eles também estavam com utensílios para arrombar o cofre do supermercado

Futebol

Recuperado da covid-19, Carille comanda treino, mas não irá a campo neste sábado

Carille só poderá comandar o Santos no clássico contra o Corinthians, na próxima quarta-feira, às 21h35, na Neo Química Arena, em São Paulo, pela terceira rodada do Estadual

©2021 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software