'Vovô Sabe Tudo' morre aos 93 anos em Santos

José Soares Fontes participava do projeto municipal que insere os idosos em ações educacionais e culturais

Comentar
Compartilhar
15 SET 2020Por Da Reportagem19h23
José Soares Fontes também foi motorneiro de bonde elétrico, desde 1959Foto: Reprodução

José Soares Fontes, Vovô Sabe Tudo da linha de bondes turísticos no Centro Histórico, de Santos, morreu nesta terça-feira (15), aos 93 anos. Ele participava do projeto municipal que insere os idosos em ações educacionais e culturais. Também foi motorneiro de bonde elétrico, desde 1959. Mais informações em instantes.

Vovô Sabe Tudo

O destacado trabalho desenvolvido pelos idosos do Programa Vovô Sabe Tudo obteve reconhecimento do Programa Gestão Pública e Cidadania, da Fundação Getúlio Vargas. Em 1999, o projeto foi incluído no ranking das 100 melhores iniciativas do País, além de ter sido classificado no Prêmio Internacional Dubai, que destacou as principais práticas para Melhorar Condições de Vida, em 2000.

Somente neste ano, de janeiro a agosto, mais de 25 mil atendimentos foram prestados pelos 31 vovôs e vovós, inscritos no programa. A reaproximação do idoso com outras gerações e a sua reintegração ao processo produtivo são os principais benefícios do projeto.

Em 16 horas de atividades semanais, eles transmitem seus conhecimentos a crianças e adolescentes, através de cursos e oficinas de caráter social, recebendo uma ajuda de custo correspondente a um salário mínimo.

Os vovôs coordenam diversas oficinas de aprendizagem, entre as quais de bordado, ponto cruz, vagonite, pintura em tecido, biscuit, confecção de flores, comunicação, crochê, tricô, jardinagem, confecção de brinquedos, tapeçaria, valores humanos, desenho artístico, confecção de bonecas, educação para o trânsito, papel marchê, bijuterias e culinária. Além disso, há também os orientadores do Bonde Turístico e os contadores de histórias infantis.