'Viva o Bairro' retorna sábado ao São Jorge, Castelo e Areia Branca

Esta 30º edição fará parte do quarto e último grupo da iniciativa, envolvendo 13 bairros até o final do ano, com anúncios de obras e melhorias.

Comentar
Compartilhar
08 NOV 201309h10

A terceira fase do projeto ‘Viva o Bairro’ no São Jorge, Castelo e Areia Branca, na Zona Noroeste, será sábado (9), às 9h, no Centro Esportivo Dale Coutinho (rua Fausto Felício Brusarosco s/nº). Esta 30º edição fará parte do quarto e último grupo da iniciativa, envolvendo 13 bairros até o final do ano, com anúncios de obras e melhorias pelo prefeito Paulo Alexandre Barbosa, que estará acompanhado da equipe de governo.

Em paralelo, os moradores vão contar com o Programa Cidade Cidadã, promovido pela Secid (Secretaria de Defesa da Cidadania), com expedição de documentos pelo Poupatempo e diversas atividades de saúde, esporte, cultura e lazer.

Realizado em todos os bairros da cidade, o projeto visa dar voz à população e aproximá-la do poder público com realização de audiências comunitárias na presença do prefeito, mutirão de serviços emergenciais em 30 dias e anúncios de intervenções e prestação de contas pelo chefe do Executivo.

Realizado em todos os bairros da cidade, o projeto visa dar voz à população e aproximá-la do poder público com realização de audiências comunitárias na presença do prefeito, mutirão de serviços emergenciais em 30 dias e anúncios de intervenções e prestação de contas pelo chefe do Executivo

Resultado do mutirão de serviços em 30 dias:

Castelo

- Troca de 18 tampas de bueiro e de 22 bocas-de-lobo; reconstrução de 60m de sarjeta; 1.800 metros de pinturas em ruas, postes e praças, e recuperação de 45 metros de calçada. Em seis vias, 56 árvores receberam serviço de poda.

São Jorge

– Troca de 11 tampas de bueiro e de nove bocas-de-lobo; 1.200 metros de pintura em ruas, postes e praças; e construção de duas rampas de acessibilidade. Nesse bairro, 130 árvores, de sete vias, foram podadas.

Areia Branca

– Troca de nove tampas de bueiro e de 20 bocas-de -lobo; 2.600 metros de pintura em ruas, postes e praças - incluindo o cemitério municipal; recuperação de 60 metros de sarjeta e recomposição de 80 metros de calçada. Vinte e duas árvores, de cinco ruas, receberam poda.

 

Fotos: Isabela Carrari / Anderson Bianchi