Viaduto da Alemoa é liberado para caminhões

O acesso ao Porto estava bloqueado há mais de uma semana, tempo que durou o incêndio no terminal da Ultracargo

Comentar
Compartilhar
11 ABR 201516h04

O viaduto da Alemoa foi liberado às 13 horas de hoje (11) para o tráfego de caminhões com destino à Margem Direita do Porto de Santos. A medida foi anunciada após reunião ocorrida hoje, às 9 horas, envolvendo representantes da Codesp, Companhia de Engenharia de Tráfego (CET-Santos), Secretaria de Assuntos Portuários (Seport/PMS), Ecovias e Polícia Militar. O acesso ao Porto estava bloqueado há mais de uma semana, tempo que durou o incêndio no terminal da Ultracargo.

Assim, o acesso de caminhões ao Porto de Santos ocorrerá exclusivamente pelo Viaduto da Alemoa e em seguida pela Av. Augusto Barata. Os veículos chegarão à Cidade com agendamento prévio, para que não haja congestionamentos na entrada do município. A partir da tarde de hoje, na Av. Martins Fontes, apenas caminhões com credenciamento poderão seguir. A saída do Porto ocorrerá pela Rua Cristiano Ottoni até segunda-feira (13), às 5 horas, sendo retomada a partir das 8 horas (das 5 horas às 8 horas os caminhões devem aguardar - horário de pico). Também das 17 às 20 horas as operações ficarão suspensas. Uma nova reunião será feita na segunda feira, para avaliação das operações executadas no final de semana.

O viaduto da Alemoa foi liberado para o tráfego de caminhões com destino à Margem Direita do Porto (Foto: Matheus Tagé/DL)

"A CET-Santos realizou operações especiais de comboio enquanto o acesso ao porto estava bloqueado, possibilitando a passagem de cerca de 2.500 caminhões por dia na área urbana do município. O transito foi devidamente organizado pela Companhia, durante as 24 horas do dia, e não houve ocorrência de acidente, nem problemas na entrada e saída do município", informou o presidente da CET, Antonio Carlos Silva Gonçalves.