X

Cotidiano

Vereador Sadao Nakai quer cadastro das árvores de Santos

Além disso, todas as informações de cada exemplar arbóreo devem ser disponibilizadas na internet

Da Reportagem

Publicado em 20/11/2018 às 09:00

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

Sadao Nakai é autor da Lei 3.269/2016 / Nair Bueno/DL

O vereador Sadao Nakai (PSDB) apresentou um requerimento na Câmara de Santos pedindo informações sobre o cadastro das árvores da cidade. Ele é autor da Lei 3.269/2016 que obriga o cadastramento das árvores situadas em logradouros, passeio público e próprios municipais, com o objetivo de identificar a arborização urbana e fornecer informações necessárias para a definição de práticas de manejo e monitoramento adequados. Além disso, todas as informações de cada exemplar arbóreo devem ser disponibilizadas na internet.

Segundo Sadao, “apesar de estar vigente há mais de dois anos, a lei até o momento não foi cumprida”.
De acordo com a lei, o cadastro deve conter número, espécie, localização, estado fitossanitário, periodicidade para corte e/ ou poda da espécie, data da última poda, data prevista da próxima poda, data da vistoria e identificação do engenheiro agrônomo autor do laudo.

No site da Prefeitura de Santos há atualmente duas páginas com informações sobre as árvores da cidade: Árvores de Santos (www.santos.sp.gov.br/?q=content/arvores-de-santos) e Monitora Santos (www.santos.sp.gov.br/monitorasantos), lançada em setembro.

“Na página Árvores de Santos há informações sobre as espécies que existem na cidade e orientações aos munícipes e na plataforma Monitora Santos há um mapa que mostra a localização das árvores e, em alguns casos, a espécie. Portanto falta muita informação importante para planejar o manejo”, explica Sadao.

O vereador lembra que em julho de 2016 foi noticiado que a Prefeitura faria um convênio com uma universidade para a realização do cadastramento das árvores.

Em nota, a Secretaria de Meio Ambiente informa que já está em andamento a contratação de estagiários de engenharia ambiental e biologia para a produção do censo arbóreo, previsto para ser realizado ao longo de 2019.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

LUTA PELA SAÚDE

Cubatão tem Dia D de combate à dengue nesta sexta

Conheça as práticas tomadas pelo município para o combate do mosquito responsável pela transmissão da enfermidade

Polícia

Tarcísio diz que quem confrontar PM na Baixada Santista 'vai se dar mal'

Ele disse que governo "não quer o confronto", mas garantiu que a polícia está preparada para enfrentar os criminosos

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter