X

Cotidiano

Último fim de semana de férias tem programação para crianças no Museu de Arte Sacra

A primeira atividade, da sexta, será a apresentação do espetáculo cênico musical Nicácia, às 14h para adolescentes a partir de 14 anos

Da Reportagem

Publicado em 25/07/2018 às 04:30

Comentar:

Compartilhe:

A-

A+

As inscrições podem ser feitas até sexta (27), das 10h às 17h, pelo telefone 3219-1111 / Divulgação/PMS

O mês de julho será encerrado no Museu de Arte Sacra (Mass) com uma novidade para a garotada: cursos gratuitos nesta sexta (27), sábado (28) e domingo (29), com surpresas ao final de cada uma delas. As inscrições podem ser feitas até sexta (27), das 10h às 17h, pelo telefone 3219-1111. Os responsáveis pelos participantes poderão aguardar o término das ações no local e aproveitar para visitar gratuitamente o museu.

A primeira atividade, da sexta, será a apresentação do espetáculo cênico musical Nicácia, às 14h para adolescentes a partir de 14 anos. A história se baseia no período da escravidão do Brasil, contando a história de Nicácia, uma negra escravizada, cuja trajetória começa num navio negreiro até os quilombos brasileiros. O espetáculo tem criação e performance de Bruno Oliveira, realização do 6º Facult Santos e apoio da Secretaria da Cultura.

No sábado, a oficina Quem são os monges? será voltada para os pequenos de 7 a 10 anos, das 14h às 16h30. Na sala onde ocorre a exposição temporária Na Cela do Monge, as crianças conhecerão de forma lúdica a vida de São Bento, seus seguidores beneditinos e o antigo mosteiro que abriga hoje o Mass. As histórias serão apresentadas com brincadeiras pela historiadora e monitora vestida a caráter, com suporte da ambientação da sala que reproduz a simplicidade do quarto de um monge, dando mais sensação de realismo à oficina. Os participantes usarão a criatividade para desenhar e colorir acerca do que aprenderam e observaram, concluindo a tarde com um lanche oferecido pelo museu no claustro.

A segunda oficina Caça ao Tesouro do Museu está programada para domingo (29), das 14h às 16h30, para crianças de 11 a 14 anos, com a contação de histórias sobre o prédio, como uso do espaço, forma de construção e curiosidades, incluindo um bate papo com o ex-refugiado russo-chinês Vladimir Meleh - que foi aluno interno quando o local abrigou o Instituto São Vladimir. Em seguida, haverá o jogo Caça ao Tesouro, com pistas a respeito do prédio e das histórias ali contadas.

Ao final de cada atividade, a garotada será surpreendida com um presente da equipe do Mass: um par de ingressos para o Museu de Pesca. Além disso, os pais e responsáveis que preferirem permanecer no museu durante as atividades terão a oportunidade de fazer uma visita gratuita pelas exposições permanentes e temporárias.

O Museu de Arte Sacra tem estacionamento privativo e gratuito, acessado após passar pela Rua Visconde do Embaré e subir os primeiros metros do Morro São Bento até a entrada à esquerda. Para auxiliar os visitantes, funcionários do equipamento estarão no sopé do morro – ao lado do museu – para orientar os motoristas ou quem chegar a pé.

Apoie o Diário do Litoral
A sua ajuda é fundamental para nós do Diário do Litoral. Por meio do seu apoio conseguiremos elaborar mais reportagens investigativas e produzir matérias especiais mais aprofundadas.

O jornalismo independente e investigativo é o alicerce de uma sociedade mais justa. Nós do Diário do Litoral temos esse compromisso com você, leitor, mantendo nossas notícias e plataformas acessíveis a todos de forma gratuita. Acreditamos que todo cidadão tem o direito a informações verdadeiras para se manter atualizado no mundo em que vivemos.

Para o Diário do Litoral continuar esse trabalho vital, contamos com a generosidade daqueles que têm a capacidade de contribuir. Se você puder, ajude-nos com uma doação mensal ou única, a partir de apenas R$ 5. Leva menos de um minuto para você mostrar o seu apoio.

Obrigado por fazer parte do nosso compromisso com o jornalismo verdadeiro.

VEJA TAMBÉM

ÚLTIMAS

Nacional

Após o Carnaval, casos de covid disparam 83,2% no estado de São Paulo

As novas infecções foram impulsionadas pelas aglomerações recentes, além da circulação de subvariantes da ômicron

LUTA PELA SAÚDE

Cubatão tem Dia D de combate à dengue nesta sexta

Conheça as práticas tomadas pelo município para o combate do mosquito responsável pela transmissão da enfermidade

©2024 Diário do Litoral. Todos os Direitos Reservados.

Software

Newsletter