Túnel ligando Santos e São Vicente é incluído no PAC Mobilidade

O túnel (entre as zonas Leste e Noroeste de Santos) terá 10.3 metro de largura, com duas pistas (cada uma com 10,5 metros de largura)

Comentar
Compartilhar
26 JUN 201414h25

Em cerimônia realizada agora no Teatro Coliseu, a presidente da República, Dilma Rousseff (PT), anunciou a inclusão da obra do túnel ligando Santos e São Vicente pelos morros no Pacto da Mobilidade Urbana.

O túnel (entre as zonas Leste e Noroeste de Santos) terá 10,3 metro de largura, com duas pistas (cada uma com 10,5 metros de largura). Cada pista terá três faixas, sendo uma exclusiva para ônibus, duas para carros de passeio, além de ciclovia e faixa exclusiva para pedestre. Na solenidade, citando a parceria do Governo Federal, Estado de São Paulo e das duas prefeituras, a presidente destacou a necessidade de as prefeituras da Baixada Santista apresentarem “bons projetos para resolver a vida das pessoas”.

O túnel integrará o Corredor Metropolitano Santos/São Vicente, no qual a União está destinando R$ 456 milhões. O corredor consiste também em uma faixa exclusiva de ônibus, de 18 quilômetros, ligando a Avenida Antonio Emmerich, em São Vicente, e a Avenida Nossa Senhora de Fátima, em Santos.

Segundo a presidente, obras como esta melhoram a vida dos moradores por deixarem as pessoas “mais tempo com suas famílias, com seus namorados, ou com suas namoradas”.

Dilma Rousseff (PT), anunciou a inclusão da obra do túnel ligando Santos e São Vicente pelos morros no Pacto da Mobilidade Urbana (Foto: Divulgação/PMS)

Anfitrião do evento, o prefeito de Santos, Paulo Alexandre Barbosa (PSDB), comemorou o fato de a obra também contar com recursos do Governo do Estado e enalteceu o esforço dos demais prefeitos da Baixada que, juntos, levaram a Brasília a ideia de incluir a região no PAC Mobilidade Urbana.

“Essa obra é fruto da construção coletiva dos colegas prefeitos”, comentou, lembrando que esta fase do PAC Mobilidade Urbana incluiria, inicialmente, apenas cidades com mais de 700 mil habitantes.