Travessia Santos–Guarujá ganha balsa para 60 veículos

Participaram da solenidade, o secretário de Estado dos Transportes Dario Rais Lopes e Dona Lila Covas, madrinha da embarcação

Comentar
Compartilhar
13 MAR 201321h03

A empresa Wilson Sons entregou no final da tarde de ontem, em seu estaleiro, em Guarujá, a balsa FB-24, que atenderá a travessia Santos-Guarujá. Participaram da solenidade, o secretário de Estado dos Transportes Dario Rais Lopes e Dona Lila Covas, madrinha da embarcação.

A balsa tem capacidade para transportar 60 veículos. Com a entrada em operação da FB-24, o sistema de travessia não será alterado, permanecendo em operação com sete embarcações, pois a nova embarcação substituirá um modelo que comporta 36 e que será transferido para a travessia São Sebastião-Ilhabela, no Litoral Norte.

A embarcação foi adquirida pela empresa em pregão presencial em outubro do ano passado a um custo de R$ 6,8 milhões. A balsa tem 61 metros de comprimento; 15,5 metros de largura e 1,20 metros de calado (a parte que fica sob a água). O casco da nova embarcação não segue o modelo tradicional, todo plano.

A balsa ainda tem no calado dois eixos salientes que percorrem todo o comprimento da embarcação e onde ficam os motores e as hélices. Esse sistema garante maior velocidade de navegação, com menor resistência de atrito com o mar, diminuindo o tempo da travessia. De acordo com levantamento da Dersa, a travessia Santos-Guarujá transporta por dia, uma média de 20.381 veículos e 2.315 bicicletas.