Trânsito de caminhões seguirá interrompido no Porto de Santos amanhã

Segundo a Codesp, a medida será reavaliada no decorrer da quarta-feira. As operações da Margem Esquerda (Município de Guarujá, Ilha do Barnabé e Embraport) ocorrem normalmente

Comentar
Compartilhar
07 ABR 201516h39

O trânsito de caminhões nos dois sentidos da Margem Direita do Porto de Santos, continuará interrompido amanhã, informou nesta terça-feira, 7, a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp). Segundo a autoridade portuária, a medida será reavaliada no decorrer da quarta-feira. As operações da Margem Esquerda (Município de Guarujá, Ilha do Barnabé e Embraport) ocorrem normalmente, assim como o acesso ferroviário nas duas margens, destacou.

O principal acesso ao Porto de Santos, o Viaduto Paulo Bonavides está interrompido desde quinta-feira, 2, quando começou o incêndio no terminal da Ultracargo, no Distrito Industrial da Alemoa. Durante o feriado, o tráfego de caminhões foi realizado passando pelo centro da cidade de Santos, mas na noite de domingo este movimento também foi proibido para os veículos pesados - com exceção daqueles com carga perecível e de medicamentos.

O trânsito de caminhões nos dois sentidos da Margem Direita do Porto de Santos, continuará interrompido amanhã (Foto: Luiz Torres/DL)

O gabinete de gestão da crise, formado com a participação de representantes da autoridade portuária, do governo federal, do Estado de São Paulo e da Prefeitura de Santos, já sinalizou que a interrupção pode levar até o fim desta semana.

De acordo com a Codesp, o combate ao incêndio vem sendo intensificado, mas a estratégia definida pelo Corpo de Bombeiros neste momento, é a extinção do incêndio pelo esgotamento do produto inflamável.