Tragédia em Santa Maria repercute na imprensa internacional

Veículos reúnem informações de correspondentes e da impresna brasileira para dimensionar a gravidade do fato.

Comentar
Compartilhar
27 JAN 201313h50

A morte de centenas de pessoas em uma boate de Santa Maria (RS), vítimas de um incêndio nesta madrugada (27), ganhou destaque na imprensa internacional. Os veículos reúnem informações de correspondentes e da imprensa brasileira para dimensionar a gravidade do fato. Até o momento, foram confirmadas 245 mortes.

Os sites dos jornais argentinos La Nación e Clarín divulgam a tragédia na manchete – Santa Maria fica na região central do Rio Grande do Sul , estado que faz fronteira com a Argentina. Os veículos comparam o acidente com o ocorrido em Buenos Aires em 2004, quando um incêndio na boate República Cromañón resultou na morte de 194 pessoas.

O site do jornal espanhol El País também anuncia o fato na manchete, com vídeos e galerias de fotos que mobilizam comentários de dezenas de leitores. Os britânicos BBC e The Guardian também divulgam a notícia em destaque na primeira página. O Le Monde, um dos principais jornais da França, colocou a notícia na capa do site na internet.

O site do jornal norte-americano The New York Times faz um histórico de incêndios em casas noturnas pelo mundo, indicando que a tragédia de Santa Maria está entre as mais graves da última década. Também nos Estados Unidos, o jornal Washington Post e o canal televisivo CNN divulgam a notícia em destaque em seus respectivos sites.

A notícia também é manchete no site da televisão Al Jazeera, do Catar, que reúne as principais informações do Oriente Médio.

Incêndio em boate deixa centenas de mortos e feridos na cidade. As causas da tragédia ainda estão sendo investigadas. (Foto: Divulgação/ Deivid Dutra/ ABr)