Temporal desaloja e desabriga cerca de 3 mil pessoas no Rio Grande do Sul

As cidades de Esteio e Triunfo foram as mais sofreram com o temporal e estão em situação de calamidade pública, informou hoje (24) a Defesa Civil

Comentar
Compartilhar
24 OUT 201319h26

A chuva forte que atingiu a região metropolitana de Porto Alegre, no final da quarta-feira (23), atingiu cerca de 3 mil pessoas. As cidades de Esteio e Triunfo foram as mais sofreram com o temporal e estão em situação de calamidade pública, informou hoje (24) a Defesa Civil.

De acordo com o órgão, ao todo, são 630 desabrigados, que estão em locais oferecidos pelas prefeituras, e 2.408 desalojados, hospedados em casas de parentes e amigos. A Defesa Civil órgão já iniciou a retirada de pessoas que ficaram ilhadas em suas casas em função dos alagamentos.

Auxiliados por barcos e soldados do Exército, moradores fazem um mutirão para recolher pertences dos vizinhos. Durante a noite, foram feitos 15 atendimentos, entre alagamentos, quedas de árvores e de muro, desabamento de casas e deslizamento de terra.

A previsão da Defesa Civil é que, até sábado (26), o tempo chuvoso continue atingindo o Rio Grande do Sul. Uma frente fria deve causar novos temporais com vento forte e granizo, principalmente entre o Norte e a Região Metropolitana de Porto Alegre.