Sistema Anchieta-Imigrantes terá 16 câmeras inteligentes

Equipamentos com infravermelho e sistema de detecção automática de incidentes serão fornecidos para utilização da Polícia Militar Rodoviária

Comentar
Compartilhar
09 JUN 2016Por Da Reportagem16h00
Sistema Anchieta-Imigrantes terá 16 câmeras inteligentesSistema Anchieta-Imigrantes terá 16 câmeras inteligentesFoto: Divulgação

Dezesseis novas câmeras serão instaladas no Sistema Anchieta-Imigrantes para monitoramento de segurança pública. Os equipamentos serão adquiridos e configurados pela Ecovias, mas ficarão à disposição da Polícia Militar Rodoviária, que terá acesso às imagens por meio de telas exclusivas instaladas no Centro de Controle Operacional da concessionária, ao lado da bancada ocupada pela corporação. As câmeras poderão estar também integradas ao Detecta, sistema de prevenção e investigação da polícia estadual, e ser disponibilizadas em outras bases policiais das rodovias do SAI. 

Os novos equipamentos terão alta resolução, zoom, sensor infravermelho, permitindo visualização também à noite, e virão com uma tecnologia já bastante conhecida da Ecovias – o sistema de detecção automática de incidentes (DAI), presente de forma inovadora nos túneis da pista descendente da Rodovia dos Imigrantes. A tecnologia permite que situações fora do padrão determinado – como um veículo parado ou uma pessoa caminhando – gerem automaticamente um sinal sonoro e visual para a bancada da polícia.

“Nossa característica sempre foi usar a tecnologia de ponta a favor da operação rodoviária. Embora segurança pública não esteja em nossa alçada, entendemos que podemos ajudar a corporação fornecendo novos meios para atuar na prevenção e repressão ao crime”, explica o diretor superintendente da Ecovias, Rui Klein.

Os locais que receberão as novas câmeras ainda serão definidos em conjunto com a Polícia Militar Rodoviária e a Artesp (Agência Reguladora de Transportes do Estado de São Paulo). O prazo para aquisição, configuração e instalação é de aproximadamente seis meses, com possibilidade de entrega parcial a partir de 120 dias. O custo está estimado em R$ 3 milhões.

“Outras medidas com vistas à segurança pública ainda estão sendo discutidas pelo Estado e podem ser implantadas pela concessionária, como foi o caso da construção dos muros e a iluminação de dois trechos da Imigrantes, mas acreditamos que esse projeto é um bom complemento para qualquer outro e pode ser implantado de maneira mais imediata”, acrescenta o diretor.

Em maio, a Ecovias concluiu obras de construção de muros de 3 metros de altura, instalação de iluminação e reforço em câmeras de monitoramento de tráfego nos trechos de Cubatão e São Vicente da Rodovia dos Imigrantes. O investimento foi de R$ 12,77 milhões.