Sistema Anchieta-Imigrantes tem 56 acidentes no feriado

Mais de 302 mil veículos passaram pelas rodovias do SAI nos quatro dias de contagem do feriado da Proclamação da República

Comentar
Compartilhar
19 NOV 2019Por Da Reportagem08h00
Ao longo dos quatro dias do feriado, a Ecovias atendeu 1.255 usuários que precisaram de auxílioFoto: Nair Bueno/DL

 Neste feriado da Proclamação da República, a Ecovias registrou 56 acidentes nas rodovias do Sistema Anchieta-Imigrantes (SAI). No total, foram 14 feridos e uma morte.

Ao longo dos quatro dias de contagem do feriado, a concessionária atendeu 1.255 usuários que precisaram de auxílio nas rodovias. Destes atendimentos, 670 foram ocorrências por panes mecânicas, 474 necessitaram do apoio de guincho e 111 solicitaram socorro médico.

Entre 0h de quinta-feira (14), e 23h59 de domingo (17), 302.900 veículos passaram pelas rodovias do SAI em direção ao litoral sul. O número ficou dentro da expectativa da concessionária, que esperava a passagem de até 380 mil veículos neste período.

O pico de tráfego na descida da Serra foi registrado entre 16h e 17h de quinta-feira (14), quando 7.993 veículos utilizaram o SAI rumo à Baixada Santista. Neste período, a Operação Descida (7x3) já estava em vigor nas rodovias do SAI, ou seja, os motoristas tinham à disposição as duas pistas da Anchieta e a pista sul da Imigrantes para a descida. A subida, por sua vez, ocorria apenas pela pista norte da rodovia dos Imigrantes.

Já o momento de tráfego mais intenso na subida foi registrado entre 11h e 12h de domingo (17), quando 10.052 veículos utilizaram as rodovias do trecho de concessão da Ecovias em direção à Capital. Na ocasião, a Operação Subida (2x8) estava em vigor e dava aos motoristas a opção de trafegar pelas duas pistas da Imigrantes ou pela pista norte da Anchieta. Já os usuários que seguiam para o litoral utilizavam a pista sul da Anchieta.

Responsável pelo Sistema Anchieta-Imigrantes, a Ecovias faz parte do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, sob fiscalização da Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp).

DER.

Já as rodovias administradas pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) receberam 1.004,243 veículos com destino ao Litoral, Oeste Paulista e Região Serrana de Campos do Jordão.

As estradas que tiveram a maior movimentação foram as rodovias Raposo Tavares (SP 270), entre São Paulo e Cotia, com mais de 308 mil veículos, e a Padre Manoel da Nóbrega (SP 055), que liga Praia Grande a Peruíbe, com mais de 261 mil veículos.