Setor da construção civil cresce em Itanhaém

O levantamento de dados atesta o potencial de crescimento da Cidade no setor da Construção Civil

Comentar
Compartilhar
14 MAR 201314h49

O setor da construção civil parece ter acordado para a realidade que Itanhaém oferece. Prova disso são os números de alvarás obtidos pelo setor de obras particulares, que registraram evolução significativa nos últimos dois anos, assim como o lançamento de taxas de aprovação, que quase dobrou o valor arrecadado entre os anos de 2011 e 2012.

O volume arrecadado de taxas de aprovação de projetos saltou de R$ 627.540,21 em 2011 para R$ 1.086.206,75 no ano de 2012. O total de alvarás emitidos evoluiu dos 2.936 registrados em 2011 para os 3.620 constatados em 2012.

O cenário que se forma em Itanhaém é o do desenvolvimento. Projetos imobiliários novos em andamento no Centro e na Praia do Sonho, aliados com programas habitacionais (Minha Casa, Minha Vida) contribuíram para fortalecer o setor da construção civil. Outras ações, como a redução de alíquotas do ISS de várias atividades, estimulou ainda mais a instalação de novas empresas na Cidade.

Com novos projetos habitacionais em andamento, Itanhaém mostra seu potencial para o setor da construção civil (Foto: Divulgação)

Com o mercado aquecido, cresce também o volume de vagas de emprego na Cidade. Como consequência, a Cidade alcançou o primeiro posto na Região Metropolitana da Baixada Santista em empregos diretos gerados em janeiro.

Segundo o prefeito Marco Aurélio Gomes, novas ações estão sendo tomadas para fortalecer a economia e geração de vagas no mercado de trabalho. “Acabamos de implantar o Time do Emprego, que visa capacitar a mão de obra da Cidade, recolocando-a no mercado. E temos um planejamento que permite vislumbrar uma economia cada vez mais forte, tornando Itanhaém a bola da vez na nossa região metropolitana”.