Secretário-geral da ONU diz que acordo sobre clima é só o primeiro passo

Ban Ki-moon comemorou o acordo fechado neste sábado em Doha, no Catar, para combater as mudanças climáticas e estender o Protocolo de Kyoto.

Comentar
Compartilhar
09 DEZ 201204h21

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, acredita que o novo acordo contra o aquecimento global é somente o primeiro passo para tratar da questão e que os governos devem "fazer muito mais" para impedir o aumento da temperatura, afirmou neste sábado um seu porta-voz.

Ban Ki-moon comemorou o acordo fechado neste sábado em Doha, no Catar, para combater as mudanças climáticas e estender o Protocolo de Kyoto. Ele acredita, no entanto, "que muito mais precisa ser feito e que governos, empresas e a sociedade civil precisam acelerar suas ações para que o aumento na temperatura não ultrapasse dois graus Celsius."

O documento original de 1997, que tem como objetivo controlar as emissões de gases causadores do efeito estufa em países ricos, expira neste ano. Os negociadores discutiram durante toda a noite a finalização dos detalhes do acordo que permitirá a vigência do protocolo por mais alguns anos. As informações são da Dow Jones.

Colunas

Contraponto