Secretária presta contas da Saúde em audiência em Cubatão

O encontro foi aberto pelo presidente da Câmara, Rodrigo Alemão (PSDB), que convidou para presidir o vereador Marcinho (PSB)

Comentar
Compartilhar
25 FEV 2017Por Da Reportagem12h00
Secretária da Saúde, Sandra Furquim, foi sabatinada durante a prestação de contas do 4° quadrimestre de 2016Secretária da Saúde, Sandra Furquim, foi sabatinada durante a prestação de contas do 4° quadrimestre de 2016Foto: Divulgação

A Câmara Municipal de Cubatão realizou ontem audiência pública da Saúde, referente ao 4° Quadrimestre de 2016. O encontro foi aberto pelo presidente da Câmara, Rodrigo Alemão (PSDB), que convidou para presidir o vereador Marcinho (PSB), presidente da comissão permanente que trata do Setor.

A audiência foi iniciada com a apresentação de um balanço geral dos serviços de saúde durante o período, e na sequência, a secretária municipal, Sandra Furquim ficou à disposição para responder aos questionamentos dos participantes, entre vereadores, membros do Conselho Municipal de Saúde e da comunidade.

Rodrigo Alemão perguntou sobre a situação do Termo de Ajuste de Conduta (TAC), que está sendo elaborado em conjunto com o Ministério Público, para a reabertura do Hospital Municipal. A secretária informou que as tratativas estão sendo feitas, como a coleta de informações para subsidiar os ajustes da rubrica para o Ministério Público. Mas, a secretária não deu qualquer prazo para a sua reabertura, justificando a seriedade como o tema vem sendo tratado na atual administração.

Ela foi direta ao afirmar que a preocupação maior é não abrir o hospital sem a garantia que não feche mais.

Adoção de animais

Sandra Furquim lembrou existe um grande obstáculo para que apresente melhores resultados, uma vez que a maioria das pessoas que se apresentam para a adoção, procuram por animais de raça ou filhotes. Com isso, os demais animais, que também carecem de um lar, acabam permanecendo no abrigo.

Uma das grandes preocupações, a febre amarela também fez parte da pauta. Sobre o tema, a servidora responsável pela Vigilância da Saúde, Ana Alegria informou, que na região, a Campanha de Vacinação vem sendo realizada no Porto de Santos, pela movimentação que existe de chegada e partida de passageiros e cargas para outras regiões do País. Também o vereador Lalá (SD) informou que tem projeto tramitando na Câmara, para que a Secretaria de Saúde promova campanha para combater o Aedes aegypti.

Casa da Esperança

A Casa da Esperança, que está sob intervenção da Prefeitura, desde setembro de 2013, também foi abordada no encontro pelo presidente do Conselho Municipal de Educação, Alessandro de Oliveira, que apresentou uma série de questionamentos, visando a a melhoria do quadro da saúde no município. Oliveira fez um convite à secretária municipal, para que integre o movimento, que busca a volta dos serviços de atendimento, pela própria entidade.

Marcinho citou outras prioridades como a implantação do serviço de traumato-ortopedia no Pronto Socorro Central. Ele justificou ser a cidade cortada por importantes rodovias, e ainda atender trabalhadores acidentados das indústrias locais.

Sandra informou que este serviço também faz parte da série de ajustes que estão sendo estudadas, como prioridades dentro de um planejamento que busca soluções rápidas para questões graves, como o serviço de ambulância, exames médicos laboratoriais. Em suas palavras finais, a Secretária garantiu que sua equipe estará trabalhando para que a Saúde em Cubatão tenha momentos melhores.