São Vicente anuncia liberação de linha de crédito emergencial do Banco do Povo Paulista

Auxílio atende setores vulneráveis a partir de quarta-feira (31), com empréstimos de até R$ 5 mil a empreendedores formais da Cidade

Comentar
Compartilhar
30 MAR 2021Por Da Reportagem16h04
O anúncio foi feito pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Relações do Trabalho (Sedect) do MunicípioO anúncio foi feito pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Relações do Trabalho (Sedect) do MunicípioFoto: Divulgação/PMS

A partir desta quarta-feira (31), empreendedores formais de São Vicente, e que integram setores economicamente vulneráveis no atual momento de pandemia, podem contar com uma linha de crédito disponibilizada pelo Banco do Povo Paulista. O anúncio foi feito pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Relações do Trabalho (Sedect) do Município.

Os valores liberados vão de R$ 200 a R$ 5 mil, com juros de até 0,35%, cobrança de 1% de TSF (Tarifa de Sustentabilidade do Fundo) e FDA (Fundo de Aval). Após carência máxima de 180 dias, o empreendedor terá até 30 meses para quitar as parcelas. Serão priorizadas empresas com o faturamento mensal de até R$ 30 mil.

Entre os setores atendidos pelo auxílio estão os de alimentação (bares e restaurantes); academias de esporte, de ensino de arte e de cultura; setor de beleza (salões e barbearia); comércio e reparação de veículos automotores e motocicletas; comércio por atacado (exceto veículos automotores e motocicletas); comércio varejista; atividades imobiliárias; hotéis e alojamentos; agências de viagens; operadores turísticos; atividades artísticas, criativas e de espetáculos; atividades ligadas ao patrimônio cultural e ambiental; atividades esportivas, de recreação e de lazer; atividades de jogos de azar e apostas; e artesanato.

No total, o Banco do Povo Paulista disponibilizará mais de R$ 50 milhões em microcrédito na linha emergencial.

Quem pode solicitar

Têm direito ao crédito empreendedores formais (MEI, ME, EPP, LTDA e EIRELI), sem restrições creditícias junto ao Serasa e que realizaram cursos do Empreenda Rápido.

Os interessados não precisam apresentar a Certidão Negativa de Débitos (CND) e o faturamento de 2019 será aceito como garantia para obtenção do empréstimo.

Como aderir

Em São Vicente, devido às medidas de restrição, todo o atendimento é feito pelo e-mail [email protected]
 
Mais informações podem ser obtidas no próprio site do Banco do Povo, ou na Sedect, por meio do Centro Integrado de Empreendedorismo e Cidadania (CIEC), pelo WhatsApp (13) 3468-1631.

O atendimento é realizado de segunda a sexta-feira, das 9 às 17 horas.

As demais linhas de crédito do BPP continuam disponíveis e podem ser consultadas pelo site www.bancodopovo.sp.gov.br, ou e-mail [email protected]