Santos começa a aplicar novos testes antígenos para o novo coronavírus

Em caso de resultado positivo, pessoas com contato mais próximo, geralmente familiares, também serão testadas

Comentar
Compartilhar
11 JUN 2021Por Da Reportagem08h00
Na quinta-feira (10), foram feitos 87 testes, sendo 76 negativos (87,4%) e 11 positivos (12,6%)Na quinta-feira (10), foram feitos 87 testes, sendo 76 negativos (87,4%) e 11 positivos (12,6%)Foto: Divulgação/PMS

O teste antígeno para detecção de covid-19 aos moradores de Santos sintomáticos, já a partir do primeiro dia de aparecimento dos sintomas, segue à disposição dos santistas nesta sexta-feira (11), das 14h às 16h, em doze policlínicas (ver relação abaixo).

Em caso de resultado positivo, pessoas com contato mais próximo, geralmente familiares, também serão testadas. Na quinta-feira (10), foram feitos 87 testes, sendo 76 negativos (87,4%) e 11 positivos (12,6%).

A coordenadora pedagógica Eliete Pompenet Fidalgo, de 44 anos, não conseguia esconder o alívio, na tarde de quinta-feira (10), ao saber que seu teste deu negativo. Ela procurou a Policlínica Jabaquara, onde mora, e estava ansiosa por apresentar dores de cabeça e garganta. "Agora, estou mais tranquila, tanto para o contato com minha família, como para o trabalho. O atendimento aqui foi ótimo".

ISOLAMENTO

O objetivo da Prefeitura de Santos é detectar o mais breve possível a covid-19, isolar os doentes e iniciar o monitoramento dos casos, realizando as intervenções medicamentosas e até internação, quando necessário, a partir do quadro clínico apresentado pelo paciente. As pessoas que apresentarem quadro clínico preocupante, com agravamento de sintomas, devem continuar a procurar uma das unidades de pronto atendimento do Município.

COMO FUNCIONA

Quem estiver com suspeita de covid-19 pode procurar uma das 12 policlínicas, onde passará por avaliação da enfermagem e, se for preciso, em consulta médica. Havendo indicação para testagem, ele se submeterá a uma coleta da secreção da nasofaringe.

O resultado é conhecido em 15 minutos e serve como diagnóstico. No caso de resultado positivo, a unidade de saúde fará a mesma testagem com os contatos próximos ao paciente. Todos os positivos serão notificados como casos confirmados à Seção de Vigilância Epidemiológica do Município.

Os pacientes receberão atestado médico e serão monitorados por uma central telefônica contratada e capacitada exclusivamente para este acompanhamento. Todos os dias, os pacientes receberão ligações telefônicas com o objetivo de monitorar o seu quadro clínico, a partir do relato dos sinais e sintomas.

No caso de agravamento do quadro clínico, o paciente será encaminhado para o Serviço de Atendimento Especializado, que funciona na sede da Coordenadoria de Controle de Doenças Infectocontagiosas (Rua da Constituição, 556). Após avaliação, poderá ser encaminhado para exame de tomografia e, caso necessário, será disponibilizado oxímetro para acompanhamento da saturação de oxigênio do sangue. Pacientes com quadros mais graves serão encaminhados para internação hospitalar.

RELAÇÃO DE POLICLÍNICAS

Morros
Policlínica Morro José Menino (Rua Carlos Alberto Curado, 77A)
Policlínica Jabaquara (Rua Vasco da Gama, 32)
Policlínica Nova Cintra (Rua José Ozéas Barbosa s/nº)
Policlínica São Bento (Rua das Pedras s/nº)

Orla
Campo Grande (Rua Carvalho de Mendonça, 607)
Gonzaga (Rua Assis Corrêa, 17)
Aparecida (Avenida Pedro Lessa, 1728)

Zona Noroeste
Rádio Clube (Av. Hugo Maia s/nº)
Castelo (Rua Francisco de Barros Melo, 184)
São Manoel (Praça Nicolau Geraigire s/nº)

Área Continental
Caruara (Rua Andrade Soares s/nº)
Monte Cabrão (Av. Principal s/nº)