Rosana Valle pede ao Estado ajuda à Guarda Noturna de Santos

Funcionários da tradicional Guarda Noturna de Santos pediram apoio da deputada federal

Comentar
Compartilhar
25 FEV 2021Por Da Reportagem12h17
Rosana Valle, deputada federalRosana Valle, deputada federalFoto: DIVULGAÇÃO

Funcionários da tradicional Guarda Noturna de Santos pediram apoio da deputada federal Rosana Valle (PSB-SP) para resolver a situação da entidade, criada em 1940 por decreto do Governo do Estado de São Paulo. 

A Guarda Noturna, que já teve mais de 560 funcionários, vive uma profunda crise e, desde 1998, é cogitada a liquidação da instituição que tantos serviços já prestou à região.

A principal reivindicação é o reconhecimento e o pagamento dos direitos trabalhistas dos 31 funcionários que ainda ajudam a manter os poucos contratos em vigor. 

A deputada federal Rosana Valle enviou um ofício ao Secretário de Segurança do Estado de São Paulo, general João Camilo Pires de Campos, pedindo uma reunião para tratar da situação da entidade.   

Priscila Gama, filha de um guarda noturno com 35 anos de atividade, pede a participação do Governo do Estado neste processo de liquidação, de modo que os direitos dos trabalhadores sejam respeitados. 

Outra reivindicação é a indicação, pelo Estado, de um diretor que possa tomar todas as medidas necessárias para o andamento da instituição, até que seja determinado seu destino. Tramita hoje um precatório trabalhista, fruto de uma ação movida pelo Ministério Público do Trabalho em favor dos funcionários da Guarda Noturna de Santos.