Reuniões debatem ações e projetos da Sesap em Praia Grande

Avanços e investimentos na Estratégia de Saúde da Família foram destaques da pasta.

Comentar
Compartilhar
15 JAN 201322h57

Funcionários da Secretaria de Saúde Pública (Sesap), de Praia Grande, participaram de reuniões nesta terça-feira (11). Durante os encontros os servidores conheceram as diretrizes de atuação da pasta para este ano. Ações e projetos para área também foram debatidos.

Um dos destaques é a atuação da Estratégia Saúde da Família (ESF), programa para gestão da atenção primária nos municípios, com 51 equipes multidisciplinares, distribuídas por unidades. A Cidade assegura 37% da ESF na Região, que tem 137 equipes espalhadas por oito cidades.

Ao longo dos últimos anos o Município realizou investimentos na área sempre ultrapassando a média mínima de 15% do orçamento municipal, estipulada pela Emenda Constitucional nº 29/2000. Em 2012, foram mais de R$ 180 milhões, que correspondeu a 23,19% da arrecadação.

Em breve, os moradores do Esmeralda também contarão com uma Usafa, que beneficiará pelo menos 15 mil pessoas. Nesses espaços, são realizados atendimentos da atenção primária, evitando, assim, procedimentos mais complexos através de acompanhamento médico com consultas.

“Praia Grande tem como meta oferecer serviços de qualidade para munícipes e turistas. Esses encontros serviram também para reforçar a ideia de atendimento de humanizado”, explicou o secretário executivo da Sesap, Cleber Suckow Nogueira.

O programa Saúde da Família atende mensalmente uma média de 40 mil pacientes nas residências ou nas usafas. Quem ainda não recebeu a visita de um agente comunitário de saúde e pretende se cadastrar para poder receber o atendimento deve procurar a unidade de saúde mais próxima de sua residência.

Durante os encontros, ações e projetos para área também foram debatidos (Foto: Divulgação)

Humanização

O Projeto Amigo da Saúde, que em julho de 2012 completou dois anos de sua implantação, segue metas traçadas pela Política de Humanização da pasta. O PS Quietude foi o primeiro equipamento da Cidade a receber a ação. Após o desenvolvimento do piloto do Amigo da Saúde, a iniciativa se estendeu para outras unidades de saúde de Praia Grande. Atualmente, as Usafas dos bairros Boqueirão, Mirim, Caiçara, Antártica e o Cemas também contam com voluntários.

A Política Municipal de Humanização, Atenção e Gestão da Sesap tem como principal objetivo desenvolver, ainda mais, a comunicação e integração no ambiente de trabalho entre as equipes de saúde e os usuários. Todos os profissionais da área da saúde do Município já passaram por etapa de capacitação sobre o tema.

“Os voluntários auxiliam da melhor maneira possível o próximo, sem pedir nada em troca. São dois anos de sucessos nas atividades desenvolvidas”, disse Suckow.