Reunião orienta moradores de Pilões sobre áreas de risco

Secretários municipais e técnicos da Comdec participaram do encontro.

Comentar
Compartilhar
16 JAN 201312h29

Uma reunião promovida pela Prefeitura de Cubatão reuniu secretários municipais, técnicos da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil (Comdec) e a comunidade do Caminho dos Pilões, no final da tarde desta terça-feira (15).

O encontro aconteceu na capela do bairro e orientou a população sobre o risco de deslizamentos, definiu medidas preventivas e ações imediatas em caso de emergência nas áreas de encosta.

Participaram os seguintes secretários municipais: Ricardo Soares Cretela (Habitação), Simone Aparecida dos Santos Lopes (Assistência Social), José Ronaldo Cardoso (Auditoria e Controladoria Interna), Armando Campinas Reis Junior (Segurança Pública e Cidadania) e Rennè Castro Fernandes (Esportes e Lazer), além do vereador Ivan Hildebrando da Silva, técnicos e funcionários da Comdec.

Durante o encontro, os munícipes receberam cartilhas preparadas pela Defesa Civil e ouviram atentamente os esclarecimentos dos técnicos sobre os perigos de continuar habitando áreas de risco iminente. A secretária de Assistência Social ressaltou que todas as famílias nesta situação já estão cadastradas em programas sociais e que a grande preocupação no momento é com a integridade física da população.

O encontro aconteceu na capela do bairro e orientou a população sobre o risco de deslizamentos. (Foto: Allan Nóbrega/ Divulgação)

De acordo com Ricardo Cretela, o balanço da reunião foi bastante positivo. "Pudemos conversar com calma e orientar todos sobre nossas ações preventivas. Por determinação da prefeita Marcia Rosa, montamos equipes de plantão no bairro e já equipamos o Centro Esportivo Castelão para receber desabrigados em caso de emergência".

Equipes da Prefeitura continuam em esquema de plantão no posto montado no Programa de Saúde da Família (Caminho dos Pilões, 974). Em virtude da intensa pluviosidade dos últimos dias, Cubatão segue em nível de alerta e equipes da Comdec monitoram todas as regiões de risco da Cidade.