Retratos da Vila Mathias é dica na Galeria Patrícia Galvão

Para o fotógrafo Tom Leal, o bairro é marcado por uma arquitetura singular, com seus sobrados e construções baixas

Comentar
Compartilhar
21 JUL 2018Por Da Reportagem10h30
Os registros feitos pelo fotógrafo Tom Leal ­destacam as formas singulares da regiãoOs registros feitos pelo fotógrafo Tom Leal ­destacam as formas singulares da regiãoFoto: Tom Leal/Divulgação

Conhecido por retratar paisagens urbanas e cenas do cotidiano de maneira inusitada, o fotógrafo Tom Leal leva à Galeria de Arte Patrícia Galvão a exposição Retratos da Vila Mathias, que reúne imagens da arquitetura marcante e de personagens do bairro santista.

Para Tom, a Vila Mathias é marcada por uma arquitetura singular, com seus sobrados e construções baixas, a maioria erguida em meados do século 20. Além disso, seus personagens são tão diversos quanto curiosos, e sua história rica em acontecimentos que a diferenciam dos demais bairros de Santos.

Foi observando esses detalhes que o fotógrafo decidiu criar um ensaio que reúne 29 imagens. Retratos da Vila Mathias fica aberta ao público até o dia 29, de segunda a sexta-feira, das 10h às 18h, na Galeria de Arte Patrícia Galvão (Av. Pinheiro ­Machado, 48, Vila Mathias). A entrada é ­gratuita.

Desconcerto tem sessões na Pinacoteca

O espetáculo Desconcerto é um solo de clown, concebido e representado pela atriz Alexa Kiany, que trabalha dentro da lógica do erro, do desencaixe e do ridículo para envolver a plateia na atmosfera do riso. Sessões neste sábado (21) e no próximo dia 28, às 17h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Entrada gratuita.

Humor de Férias

Humor de Férias traz Rodrigo Marques (A Culpa é do Cabral do Comedy Central), Diogo Portugal (Risadaria) e Marcelo Marrom (Prêmio Multishow de Humor) em um show de stand-up comedy que mistura parte de suas performances solos. Hoje.  21h. Teatro Coliseu. Rua Amador Bueno, 237, Centro Histórico. Os ingressos custam de R$ 35,00 a R$ 80,00. As vendas ocorrem no site http://www.diverteingressos.com.

Pinacoteca recebe oficina sobre mitologia grego-romana

As exposições mitológicas explicitam arquétipos atemporais e universais. Ao antropomorfizarem os deuses, revelaram os princípios de sentimentos e conflitos inerentes a todos os seres humanos. A palestra tem organização da professora Luciene Felix Lamy. Dia 24. 16h. Pinacoteca Benedicto Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Informações sobre inscrição na secretaria da Pinacoteca.

Exposição une contrastes entre cenários urbanos e figurativos

A união contrastante das obras dos artistas André Lombardi e Paolo Alfred Donik pode ser conferida na exposição ‘Arte – Conceito Urbano/Conceito Figurativo’. A pintura de Lombardi tem aspecto mais concreto. Já as obras de Donik possuem expressão poética. Galeria de Arte Nelson Penteado de Andrade. Piso térreo da Prodesan, na Praça dos Expedicionários, 10, no Gonzaga. A mostra pode ser vista até o dia 27, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h. Entrada é gratuita.

A Jornada de Uma Vida traz obras Michael Rousseau à Pinacoteca

O artista plástico e pesquisador Michael Rousseau viajou por diversos países para conhecer povos e culturas e, sem nunca ter estudado as técnicas, acabou se dedicando à pintura para retratar aquilo que via pelo mundo. Essa experiência resultou na mostra A Jornada de Uma Vida, em cartaz no Espaço Cultural da Pinacoteca Benedcito Calixto. Av. Bartolomeu de Gusmão, 15, Boqueirão. Aberta ao público até domingo (22), das 9h às 18h. Gratuito.

Henrique Oliveira lança A Casa de Deus

O álbum a Casa de Deus, novo disco de Henrique Oliveira, traz mensagens sobre glória de Deus. O show do artista também marca do debute do novo single, intitulado Não Permitirei. Hoje. 19h. Teatro Guarany. Praça dos Andradas, 100, Centro Histórico. O ingresso custa R$ 10,00.

Rosa de Saron apresenta Gran Paradiso

Considerada a maior banda do cenário do rock católico no País, a Rosa de Saron traz a turnê de seu novo álbum, Gran Paradiso, à Cidade. Depois de dois discos acústicos gravados ao vivo, o grupo retorna ao estúdio e grava 12 canções com mensagens de fé, amor e esperança, que mesclam a sonoridade característica do Rosa de Saron com elementos da música eletrônica e do pop contemporâneo. Dia 28. 19h. Teatro Coliseu. Rua Amador Bueno, 237, Centro Histórico. Os ingressos custam de R$ 50,00 a R$ 100,00. As vendas ocorrem no site https://ticketbrasil.com.br.