Prefeita de Guarujá faz palestra para empresários do setor aeroportuário

Foi apresentada a proposta do Aeroporto Civil Metropolitano de Guarujá

Comentar
Compartilhar
19 MAR 201512h23

A prefeita de Guarujá, Maria Antonieta de Brito participou nesta segunda-feira (16), do II Fórum de Infraestrutura para Aviação Geral e Regional, em São Paulo. O evento discute o plano do governo federal de autorizar novos aeroportos para a aviação executiva e regional e as propostas de financiamento para a instalação de aeroportos. A prefeita dividiu a mesa com Thomaz Assumpção, da Urban Systems, e Francisco Lyra, da C-Fly Aviation.

Para uma plateia de investidores, construtoras, fornecedores de equipamentos e empresas aéreas, a prefeita apresentou a proposta do Aeroporto Civil Metropolitano de Guarujá. Antonieta mostrou os números do estudo de viabilidade econômica do aeroporto. Eles indicam que o movimento deve atingir um milhão de passageiros por ano já nos primeiros cinco anos de atividade, e que o potencial é de 20 voos por dia. Ela disse também que a Prefeitura já foi informada do interesse de instalação de voos regulares das empresas Azul, Avianca e Gol.

A prefeita anunciou que a entrega da última versão dos estudos de viabilidade econômico, financeiro e ambiental para a implantação do Aeroporto Civil Metropolitano de Guarujá ao ministro da Secretaria da Aviação Civil (SAC), Eliseu Padilha, vai possibilitar a abertura da licitação da concessão no início do segundo semestre. Antonieta também comemorou a ampliação da área da outorga feita pela Força Aérea Brasileira (FAB) para 1.530 mil m², cinco vezes maior que a anterior, e que contempla as compensações ambientais necessárias.

“Estamos demonstrando as oportunidades que o Guarujá oferece às empresas que utilizarão o aeroporto: a área do retroporto de Vicente de Carvalho; o acesso ao aeroporto, que está sendo construído; as oportunidades da Região Metropolitana da Baixada Santista e com a exploração do Pré-Sal, além da infraestrutura de turismo, com seus 600 restaurantes, hotéis e suas belas praias”, pontuou Antonieta.

Francisco Lyra elogiou os esforços da prefeita para conseguir o aeroporto e citou uma frase que para ele é a melhor maneira de definir o ganho que se tem com um aeroporto: “Quem constrói três quilômetros de estrada chega a três quilômetros de distância; quem constrói uma pista de três quilômetros vai ao mundo todo”.

Já Thomaz Assumpção disse que a Urban Systems é especializada em análise de viabilidade de aeroportos e que o caminho que a prefeita de Guarujá vem fazendo é o que todo prefeito de cidade com potencial de implantar um aeroporto regional deveria fazer