Praiagrandense é um dos melhores jogadores de Rainbow Six Siege do mundo

José Victor, mais conhecido como 'Bullet1' por seus fãs e adversários, já tem títulos nacionais e internacionais no histórico

Comentar
Compartilhar
14 JUN 2021Por LG Rodrigues08h30
Atualmente, Bullet1 é um dos integrantes da FaZe Clan e disputará o Brasileirão de Rainbow Six nas próximas semanas.Atualmente, Bullet1 é um dos integrantes da FaZe Clan e disputará o Brasileirão de Rainbow Six nas próximas semanas.Foto: FAZE CLAN

Praia Grande já é conhecida há muitos anos como uma das maiores incentivadoras de grandes atletas dos gramados, dos mares, dos ginásios, e de tantos outros ambientes esportivos, mas se esse reconhecimento da cidade no meio veio em décadas, ele veio com poucos anos quando se trata dos esportes eletrônicos e muito disso se deve a um jovem cujo apelido 'in-game' é sinônimo de respeito e profissionalismo no cenário mundial de Rainbow Six Siege, jogo de tiro em primeira pessoa da produtora francesa Ubisoft.

José Victor Santos de Souza, mais conhecido como 'Bullet1', é natural de Praia Grande e acostumadíssimo com o topo das tabelas dos maiores campeonatos do tão jogado e tão assistido 'R6'. Com mais de 5 anos de carreira, o caiçara deu os primeiros passos na vida de atleta de e-sports por influência da família.

"Comecei no Counter Strike 1.6, por influência dos meus primos que me apresentaram ao jogo, e fiquei bastante tempo indo em lan houses para jogar. Quando consegui meu próprio computador conheci também Combat Arms, Point Blank e, conforme fui jogando, fui desenvolvendo um gosto por FPS e melhorando minhas habilidades. Durante essa época, vi um cara que jogava CS que tinha o nick 'Bullets on Fire' e achei bem legal. Daí decidi adotar apenas o Bullet1 para mim, acabou pegando e está comigo até hoje", explica.

Atuando no momento pela FaZe Clan, Victor já teve passagens por inúmeras outras equipes de grande renome internacional como Team Liquid e Immortals. Com inspiração em organizações antiterroristas do mundo real, o game no qual ele compete, Tom Clancy's Rainbow Six Siege, coloca dois times em mapas onde eles devem se confrontar usando armas de fogo e equipamentos dos mais diversos tipos até todos os integrantes de um dos times serem eliminados, o que concede um ponto à equipe vitoriosa.

"Comecei a perceber que podia jogar de maneira competitiva quando meus amigos me incentivaram a seguir por esse caminho. Eles me diziam que eu era bom e tinha jeito para a coisa, pegava com facilidade a mecânica dos jogos. Já acompanhava os campeonatos de CS:GO, mas pra mim foi difícil me inserir em um cenário que já estava formado. Quando lançou o Rainbow Six Siege comecei a jogar e vi que ali eu podia encontrar meu espaço", explica.

A sala de troféus de Victor já está ficando lotada desde 2018, quando o atleta se sagrou campeão da Pro League Season 7 - Finals, campeonato disputado em Atlantic City, Nova Jérsei, nos Estados Unidos. De lá, para cá, o praiagrandense conquistou dois campeonatos brasileiros e subiu ao pódio durante a OGA PIT Season 3 e a Pro League Season 11 - Latin America.

"É uma caminhada de bastante luta, mas que tem valido a pena. Comecei a jogar o Rainbow Six bem no começo, o cenário ainda não estava estabelecido e era tudo muito incerto. Mas esses cinco anos me mostraram que fiz a escolha correta. Busco melhorar cada vez mais para sempre seguir competindo em alto nível. Me sinto muito orgulhoso de ser um representante da região, recebo muitas mensagens das pessoas dizendo que gostam de mim e do trabalho, é bem gratificante. O Brasil é muito grande no Rainbow Six, tem uma galera muito boa que joga e ser reconhecido dessa forma é bem legal", afirma.

Recentemente, 'Bullet1' e seus companheiros da FaZe Clan chegaram ao 5º lugar do Six Invitational. Torneio mais cobiçado pelo praiagrandense, ele afirma que a derrota não desanimou nem a ele, nem aos companheiros, que seguirão treinando para voltar mais forte durante a próxima edição.

"É um campeonato muito grande, bastante disputado e com equipes do mundo todo. Nessa última edição chegamos perto, ficando em quinto lugar, mas esse time tem potencial para muito mais", conclui.

E para quem quer acompanhar mais da carreira de Victor, a espera não será longa, pois a edição 2021 do Campeonato Brasileiro de Raibow Six Siege se inicia no próximo dia 19 de junho e não é preciso pagar nada para acompanhar as partidas, basta acessar https://www.twitch.tv/r6esportsbr e acompanhar os ídolos brazukas do game.