Posto volante de vacinação contra febre amarela volta a atender na Praça Mauá

A vacinação também continua em 22 policlínicas de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, enquanto durarem os estoques

Comentar
Compartilhar
20 FEV 2018Por Da Reportagem21h30
Posto vacinou quase 3.600 pessoas em dois diasPosto vacinou quase 3.600 pessoas em dois diasFoto: Divulgação/PMS

Nesta quarta (21) e sexta (23), das 11h às 14h, volta a funcionar o posto volante de vacinação contra a febre amarela na Praça Mauá (Centro), que vacinou quase 3.600 pessoas em dois dias na semana passada. A Secretaria de Saúde ampliou o atendimento itinerante e, na terça (20), imunizou 170 pessoas no posto montado no comando da PM, localizado no Gonzaga.

Entre os profissionais da Segurança Pública que aproveitaram a oportunidade estava a cabo PM Patrícia Fontes, 43 anos. "Com o posto aqui, fica bem mais fácil se vacinar, o que não estava conseguindo pela falta de disponibilidade de horário".

O mesmo foi destacado pelo 2º sargento do Corpo de Bombeiros, Marcelo Gouvêa, 39. "Foi um incentivo a mais para tomar a vacina contra esta doença que está avançando. Os bombeiros atendem a ocorrências variadas, às vezes em áreas de risco; é preciso se prevenir".

Também nesta quarta (21), das 9h às 16h, a vacina será disponibilizada para os pacientes do Centro de Controle de Doenças Infectocontagiosas que têm autorização médica para a aplicação da dose. A unidade funciona à Rua Silva Jardim, 94 (Macuco). E, na quinta (22), das 9h às 16h, a unidade móvel e os profissionais de saúde irão percorrer o bairro do Quilombo e imediações na Área Continental.

No sábado (24), das 9h às 16h, serão montados dois postos em hipermercados da Cidade. Um deles ficará no Extra da Avenida Ana Costa (n° 318) e outro no Carrefour do Praiamar Shopping (Rua Alexandre Martins, 80).

Já na segunda-feira (26), das 9h às 13h, a vacinação será realizada no posto do Poupatempo (Rua João Pessoa, 246, Centro). Nos postos volantes, não são vacinadas crianças menores de 12 anos, as quais precisam ser cadastradas em sistema informatizado.

Prorrogada

A vacinação também continua em 22 policlínicas de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, enquanto durarem os estoques de doses das unidades. Para se vacinar é necessário apresentar documento de identidade com foto (RG ou CNH, por exemplo) ou certidão de nascimento (no caso de crianças), sendo recomendado levar o Cartão SUS e a caderneta de vacinação.

Quem já tomou a vacina uma vez não precisa tomar novamente, porque ela é válida por toda a vida de acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS). As pessoas com mais de 60 anos também precisam levar autorização médica por escrito.

Já crianças com menos de 9 meses, pessoas com doenças que baixam a imunidade (como lúpus e câncer), grávidas, mulheres que amamentam bebês de até seis meses e alérgicos a gelatina e ovo têm contraindicação para a vacina.