Polícia recolhe beagle que pode ser do Instituto Royal

Depois de ser lavrado um auto de localização na Delegacia de Polícia de São Roque, a cadela foi entregue à guarda da Sociedade Protetora dos Animais

Comentar
Compartilhar
31 OUT 201319h25

Mais um cão da raça beagle foi encontrado nas ruas de São Roque (SP), nesta quinta-feira, 31. O animal, uma fêmea adulta, estava solto no bairro Santo Antônio e, diante da possibilidade de ser um dos cães retirados do Instituto Royal, no dia 18, foi recolhido pela Polícia Civil.

Depois de ser lavrado um auto de localização na Delegacia de Polícia de São Roque, a cadela foi entregue à guarda da Sociedade Protetora dos Animais. Segundo a direção do canil, a cachorra permanece isolada dos outros animais. Até a tarde desta quinta-feira, não havia confirmação de que o animal pertence ao instituto.

Se isso foi confirmado, será o quinto beagle recuperado. No dia 18, sob a alegação de que os animais eram submetidos a maus-tratos, ativistas invadiram o instituto e levaram os 178 cães da raça beagle usados para testes de remédios. As instalações foram depredadas. Tanto a invasão quanto a denúncia de maus-tratos estão sob investigação. O instituto teve o alvará suspenso por 60 dias pela prefeitura.

O animal, uma fêmea adulta, estava solto no bairro Santo Antônio (Foto: Cristiane Novais/CPN)