PM fará operações para aumentar a segurança nas estradas durante o Carnaval

O objetivo das ações integradas é reforçar a segurança no trânsito, por meio de bloqueios com realização de testes de embriaguez e fiscalização de veículos

Comentar
Compartilhar
12 FEV 201515h46

O governador Geraldo Alckmin e o secretário da Segurança Pública, Alexandre de Moraes, apresentaram nesta quinta-feira (12) uma série de ações integradas para garantir a segurança durante o Carnaval. A Operação começa nesta sexta-feira (13) e vai até a quarta-feira (18).

“Nós teremos, no policiamento rodoviário, 3.800 homens e mulheres e 810 viaturas, helicópteros e motos. Serão 349 bafômetros, 125 radares móveis, 93 radares fixos, binóculos para fiscalização e monitoramento por câmeras de vídeo", destacou o governador Geraldo Alckmin.

O objetivo das ações integradas é reforçar a segurança no trânsito, por meio de bloqueios com realização de testes de embriaguez e fiscalização de veículos. As operações serão desenvolvidas na Capital, duas cidades da Grande São Paulo e em 12 do interior do Estado.

O secretário Alexandre de Moraes ressaltou a importância das operações para reduzir o número de mortes por acidentes de trânsito. "Para termos uma ideia, o número de pessoas vítimas de homicídios dolosos e de acidente de trânsitos nas estradas e cidades é praticamente o mesmo”.

No ano passado, foram 4.294 casos de mortes intencionais no Estado. No mesmo período, São Paulo registrou 4.408 homicídios culposos por acidentes de trânsito. “Metade dessas ocorrências acontece nas estradas”, ressaltou o secretário. “Por isso, teremos um implemento maior na operação deste ano, em especial no uso dos bafômetros, planejamento e inteligência”.

As equipes das polícias estarão, principalmente, em locais com grande concentração de pessoas, como bares, casas de espetáculos e espaços para eventos, que ficam próximos a vias com maior fluxo de veículos.

Na Capital, serão feitas oito operações. Do total de ações, cinco serão da “Operação Direção Segura (ODS)”, coordenadas pelo Comando de Policiamento de Trânsito da Polícia Militar (CPTran).

As outras três serão da “Operação Direção Segura Integrada (ODSI)”, que contam com equipes das polícias Civil, Militar e Técnico-Científica, além da Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo (Prodesp).

A Operação começa nesta sexta-feira (13) e vai até a quarta-feira (18) (Foto: Diário do Litoral)

Grande São Paulo e interior

Os municípios da Região Metropolitana de São Paulo que receberão as operações Direção Segura Integrada são Guarulhos e Mauá.

No interior as ações acontecerão em Jacareí, São Sebastião, Campinas, Paulínia, Ribeirão Preto, Sertãozinho, São José do Rio Preto, Catanduva, Santos, Praia Grande, Sorocaba e Tatuí.   

Segurança nas rodovias

A Polícia Militar Rodoviária realizará a partir das 18 horas de sexta-feira (13) uma operação especial para reforçar a segurança nos mais de 22 mil quilômetros de rodovias estaduais. A ação vai até 12 horas da quarta (18).

Além de policiais dos cinco batalhões da PM Rodoviária, também atuarão equipes do Grupamento de Radiopatrulha Aérea (GPRAe) e de unidades regionais. PMs que estariam de folga ou que são do serviço administrativo participarão das fiscalizações.

Os policiais contarão com 349 bafômetros para a realização de testes de embriaguez e 61 radares móveis inteligentes, 125 portáteis e 93 fixos para a fiscalização da velocidade dos veículos, além de sistemas de câmeras.

Operação Verão

Outra ação que continuará sendo realizada até sexta-feira (18) é a Operação Verão. Por meio do reforço de efetivo das polícias, a ação acontece desde dezembro do ano passado, aumentando a segurança nas estradas de acesso ao litoral, represas e terminais de passageiros.

A operação é desenvolvida em Bertioga, Cananéia, Caraguatatuba, Guarujá, Iguape, Ilha Bela, Ilha Comprida, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos, São Sebastião, São Vicente e Ubatuba.