Orçamento de 2014 em Bertioga é de R$ 403,2 milhões

Secretaria de Educação tem previsão de gastos de R$ 80,3 milhões. Também haverá investimentos na modernização da administração pública

Comentar
Compartilhar
03 JAN 201419h26

O orçamento de Bertioga para este ano será de R$ 403,2 milhões. A proposta orçamentária do Executivo foi aprovada pela Câmara na última semana e a secretaria, cuja previsão de despesas é maior é a de Educação, com R$ 80,3 milhões.

A peça orçamentária, de acordo com a secretária de Administração e Finanças, Miriam Cajazeira, representa uma autorização de despesas para o planejamento dos gastos, dentro do que determina a legislação. “São previstas possíveis receitas e a forma como as verbas serão gastas”.

Outro destaque do orçamento este ano é com relação aos investimentos em infraestrutura. A previsão de receitas provenientes do Governo Federal, cerca de R$ 40 milhões, e do Governo do Estado, cerca de R$ 12 milhões, estão locadas na Secretaria de Obras e Habitação. “Trata-se de um esforço do prefeito Mauro Orlandini para buscar recursos que permitirão o desenvolvimento da Cidade”.

Segundo a secretária, o orçamento é uma peça de planejamento administrativo e é dinâmico. No ano passado, a previsão de gastos da Secretaria de Saúde foi de cerca de R$ 69 milhões. Este ano, é de R$ 63 milhões. Essa economia, conforme explica Mirian, deve-se à absorção dos serviços do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) pela Fundação do ABC, contratada pela Prefeitura para gerir o Hospital Municipal e o Pronto Socorro. “São pequenos detalhes que permitem a economia sem a perda da qualidade na prestação do serviço. E essa foi uma determinação do prefeito”.

O orçamento de Bertioga para este ano será de R$ 403,2 milhões (Foto: DIvulgação/PMB)